17.04.18

Arco da velha

A Lava Jato investiga um suposto esquema de corrupção referente às obras de construção do Arco Metropolitano do Rio. Mais de uma dezena de empreiteiras e fornecedores teriam participado do “mutirão da propina”. O esquema teria sido revelado na delação de executivos da OAS, uma das companhias que lideraram o projeto. A empreiteira baiana conhece cada cantinho do Arco Metropolitano: não custa lembrar que a empresa fechou um acordo de leniência com o Cade após confessar sua participação em um cartel formado para disputar as diversas licitações do empreendimento.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.