Atenção!

As notícias abaixo são de edições passadas.

Para ter acesso ao nosso conteúdo exclusivo, assine o RR.

planos
12.04.18
ED. 5845

PSB frustrado

Ana Arraes frustrou o PSB. Decidiu permanecer no TCU em vez de disputar as eleições de outubro. Uma parte do PSB via na mãe de Eduardo Campos a vice sob medida para Joaquim Barbosa.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

22.03.18
ED. 5831

Tem peixe na área

Romário está buscando o apoio do PSB a sua candidatura ao governo do Rio. A sigla flerta com Eduardo Paes, mas o ex-prefeito é uma incógnita por conta da Lava Jato.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

21.03.18
ED. 5830

Tucanos fora do ninho

Prestes a assumir o cargo de governador de São Paulo, o atual vice, Marcio França (PSB), já trabalha nos bastidores para se aproveitar do racha no PSDB. Conversa com José Aníbal e outros tucanos que prometem passar longe do palanque de João Doria. França já avisou que tem lugar para todos em sua campanha ao governo de São Paulo.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

06.03.18
ED. 5819

Queda de braço

João Doria (PSDB) e Marcio França (PSB) se digladiam na tentativa de atrair o DEM para suas candidaturas ao governo de São Paulo.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

01.03.18
ED. 5816

PSB flerta com Ciro, ou Lula, ou tanto faz…

Enquanto o PSB não decide se lança candidato próprio ou apoia um “estrangeiro”, o governador de Pernambuco, Paulo Câmara, tem se aproximado gradativamente de Ciro Gomes. Não custa lembrar que na semana anterior ao Carnaval, Câmara, um dos principais nomes do partido no Nordeste, esteve reunido com o ex-presidente Lula na sede de seu Instituto em São Paulo.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

27.02.18
ED. 5814

O Covas “certo”

O surgimento do nome de Mario Covas Netto para vice de Marcio França (PSB) na disputa pelo governo de São Paulo não passa de um  balão de ensaio sem gás. França quer, sim, outro integrante do clã: Bruno Covas, vice-prefeito de São Paulo. Seria uma manobra de mestre para esvaziar a candidatura de João Doria dentro do próprio PSDB.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

22.02.18
ED. 5811

Matriarca

O PSB aguarda até março a decisão de Ana Arraes, que está no “sai ou não sai” do TCU. A mãe de Eduardo Campos pode concorrer ao Senado ou até ser vice em uma chapa puro-sangue do partido à Presidência.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

19.02.18
ED. 5808

Alckmin vai ao “estrangeiro”

O RR apurou que Geraldo Alckmin, um “desconhecido” em terras nordestinas, vai visitar cinco das nove capitais da região durante o mês de março. O tour começará por Recife, um cluster do PSB, do seu vice e fiel escudeiro Marcio França.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

31.01.18
ED. 5798

Tiro de festim

Nas próximas horas, Beto Albuquerque, vice-presidente do PSB, deverá encaminhar uma carta aos demais dirigentes do partido colocando oficialmente seu nome à disposição para concorrer à Presidência da República. No documento, ele se posicionará como defensor do “legado” de Eduardo Campos. Por ora, a cartada de Albuquerque, candidato a vice de Marina Silva em 2014, de pouco deve adiantar. Seu nome segue como regra três dentro do PSB.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

31.01.18
ED. 5798

Confidências

Ayres Britto confidenciou que aceitaria ser vice do ex-colega de STF Joaquim Barbosa em uma candidatura à Presidência pelo PSB. Ambos também foram sondados por Marina Silva para ser vice em sua chapa na Rede. Até agora, ninguém deu o firme para ninguém.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

25.01.18
ED. 5794

Estilhaços de Porto Alegre

Contratado para produzir o mais recente programa eleitoral do PT, o publicitário Sidônio Palmeira deverá ser confirmado como marqueteiro da candidatura do partido à Presidência da República. Sidônio comandou as duas vitoriosas campanhas de Jaques Wagner ao Governo do Bahia. Pode não significar coisa alguma; pode significar muita coisa…

Como se não bastassem o martírio judicial de Lula e a dramática escassez de novos quadros, o PT está prestes a perder uma fatia importante da sua ala jovem. Cerca de 50 diretores do movimento estudantil UJB, um dos maiores do país, deverão anunciar nos próximos dias sua desfiliação. A maioria passará a vestir a camisa do PSB.

Ontem, a entrevista de Fernando Haddad ao Estadão no último fim de semana ainda ecoava entre os dirigentes do PT. A presidente do partido, Gleisi Hoffmann, não escondia a irritação com o discurso de Haddad, notadamente em relação à reforma da Previdência. Na cúpula do partido, houve quem perguntasse se Haddad virou garoto-propaganda de Temer.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

25.01.18
ED. 5794

Posse pré-datada

Geraldo Alckmin ainda não deixou o governo de São Paulo, mas seu vice, Marcio França (PSB), já usa e abusa do cargo. França ofereceu a Secretaria Estadual de Transportes ao PR em contrapartida ao apoio da sigla à sua candidatura à “reeleição”, em outubro. É só o primeiro embrulho sobre o balcão. Estima-se que pelo menos outros cinco secretários deixem seus postos até abril, permitindo a França ampliar seu espectro de negociação com partidos aliados.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

17.01.18
ED. 5788

Duas fichas

Joaquim Barbosa joga com duas fichas. A exemplo do PSB, a Rede também espera por uma resposta até meados de fevereiro. De repente, Godot não vai a nenhum dos encontros.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

21.12.17
ED. 5771

Casa de ferreiro, espeto de pau

Geraldo Alckmin está penando para desarmar uma intentona em sua própria base aliada na Assembleia de São Paulo. Com a do vice-governador, Marcio França, os parlamentares do PSB deverão retirar sua assinatura do requerimento pela votação do projeto que eleva em 53% o teto salarial de parte do funcionalismo público de São Paulo, uma pauta-bomba para as finanças do estado. Até o momento, no entanto, os deputados do próprio PSDB que aderiram à proposta, entre eles o presidente da sigla em São Paulo, Pedro Tobias, não recuaram.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

04.12.17
ED. 5758

O nome da vez

Nem o “amigo fiel” João Doria e muito menos Marcio França, do PSB, seu vice-governador. Neste momento, a batuta de Geraldo Alckmin, re-gente da sua própria sucessão, aponta para a candidatura ao governo de São Paulo do cientista político Luiz Felipe D ́Avila, genro de Abilio Diniz.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

30.11.17
ED. 5756

Dupla ameaça

O governador de Pernambuco, Paulo Câmara, foi escalado pelo PSB para convencer Ana Arraes a se filiar ao partido caso deixe o TCU para concorrer ao Senado. A mãe de Eduardo Campos flerta com o Podemos. O temor é que sua filiação ao partido cause um racha no PSB de Pernambuco e também na família Campos, que são praticamente uma coisa só.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

28.11.17
ED. 5754

Aliança com prazo de validade

O vice-governador de São Paulo, Marcio França (PSB), começa a esboçar o seu secretariado a partir de abril, quando deverá assumir a cadeira de Geraldo Alckmin. Quer ter ao lado nomes 100% comprometidos com a sua virtual candidatura ao governo. Segundo pessoas próximas ao vice, isso exclui, desde já, os secretários de Governo e da Casa Civil, respectivamente Saulo de Castro e Samuel Moreira. Apesar da longa aliança com Alckmin, França está disposto a partir em voo solo e concorrer contra os tucanos, seja quem for o candidato.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

20.11.17
ED. 5748

Arrastão

Além da interlocução direta com Renata Campos, viúva de Eduardo Campos, para atrair o PSB, Geraldo Alckmin está garimpando o apoio do PV e do PHS a sua virtual candidatura presidencial.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

08.11.17
ED. 5741

Chutando a canela

Romário vai intensificar os ataques a Marcelo Crivella. Sondagens feitas pelo PSB mostram que, a cada chute na canela do prefeito, o “Baixinho” sobe na disputa pelo governo do Rio.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

06.11.17
ED. 5739

Malas prontas

O deputado Alessandro Molon está de malas prontas para deixar o Rede e se instalar no PSB. Sua relação com Marina Silva tornou-se insustentável – ver RR edição de 25 de outubro.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

24.10.17
ED. 5731

Tudo verde

Além da Rede e do PSB, o Partido Verde também se ofereceu ao ex-ministro do STF Joaquim Barbosa para hospedar sua candidatura à Presidência da República.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

16.10.17
ED. 5725

Sobrou para a Petrobras

O governador de Pernambuco, Paulo Câmara, tem feito marcação cerrada sobre a Petrobras para a retomada das obras da refinaria Abreu Lima. O anúncio da construção da segunda refinaria, um projeto de R$ 3,2 bilhões, seria um prato feito para Câmara, candidato à reeleição. Não custa lembrar que o ministro de Minas e Energia, Fernando Coelho Filho, é conterrâneo e do mesmo partido, o PSB. Mas, por ora, nem assim.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

11.10.17
ED. 5723

Divórcio político

O ex-ministro Aldo Rebelo, que trocou o PCdoB pelo PSB, não convenceu a família a abandonar o “comunismo”. Sua mulher, Rita Polli, permaneceu no comitê estadual do partido em Brasília. O filho, Pedro, por sua vez, segue militando na União da Juventude Socialista, braço jovem do PCdoB.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

09.10.17
ED. 5721

Família Campos em lados opostos

O clã de Eduardo Campos poderá sofrer uma dolorosa cisão, capaz de bagunçar o jogo político em Pernambuco. Ana Arraes, mãe do ex-governador, cogita deixar o Tribunal de Contas da União para se candidatar ao Senado pelo Podemos, partido de seu outro filho, Antônio Campos. Seria um duro golpe para o PSB em Pernambuco.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

09.10.17
ED. 5721

Disputa pelo passe

O Partido Novo entrou na disputa pelo “passe” do ex-ministro do STF Carlos Ayres Britto. Rede e PSB já estão na fila.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

05.10.17
ED. 5719

Coelho Filho sai na frente

A mudança do ministro de Minas e Energia, Fernando Coelho Filho, do PSB para o PMDB abriu uma ferida no maior núcleo regional do governo Temer na Esplanada dos Ministérios: a chamada “República de Pernambuco”. Coelho Filho assumiu uma posição privilegiada para ser o nome do PMDB na disputa pelo governo pernambucano, o que fecharia as portas para um eventual apoio do partido a um dos três outros ministros candidatáveis: Mendonça Filho (DEM), da Educação, Bruno Araújo (PSDB), das Cidades, e Raul Jungmann (PPS), da Defesa. Uma coisa é ter o apoio explícito do próprio Michel Temer, o presidente dos 3% de popularidade – o que ninguém faz questão; a outra é perder a chance de ter ao lado uma máquina como o PMDB.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

03.10.17
ED. 5717

A política é feita de camaleões

Mimetismo I: o ex-comunista Aldo Rebelo chegou ao PSB dizendo que só toparia ser vice de uma chapa puro-sangue do partido. Não demorou 10 dias para mudar de cor e sinalizar à cúpula do partido que aceita ser indicado para uma dobradinha com Geraldo Alckmin.

____________________________________________________________________________

Mimetismo II: Romário, que esteve ao lado de Marcelo Crivella nas eleições do ano passado, tem feito duros ataques ao prefeito. Coisa de quem esperava o apoio do PRB, de Crivella, a sua candidatura ao governo do Rio.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

02.10.17
ED. 5716

Está tudo dominado

Uma amostra do poder de Michel Temer no Congresso: nas contas do Planalto, 15 dos 36 deputados do PSB vão votar “não” à abertura do processo contra Temer, dando de ombros à determinação do partido.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

26.09.17
ED. 5712

Xerife Beltrame

Cotado para vice de Bernardinho na eleição ao governo do Rio, o ex-secretário de Segurança José Mariano Beltrame tem pretensões de maior calibre: ser ele próprio candidato a governador. Rede e PSB já lhe abriram as portas.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

25.09.17
ED. 5711

A nova comuna de Aldo Rebelo

Aldo Rebelo, que deixou para trás 40 anos de PCdoB, assina nesta semana sua ficha de filiação ao PSB com uma ideia fixa: ser candidato a vice-presidente da República. Isso, claro, se a sigla não desaparecer em um mar de partidos numa coalizão em torno de Geraldo Alckmin.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

21.09.17
ED. 5709

PSB, duas vezes partido

O adiamento da convenção nacional de novembro para março escancarou as fissuras do PSB. A mudança foi fruto de uma manobra do presidente da sigla, Carlos Siqueira, e de herdeiros políticos de Eduardo Campos, notadamente o governador de Pernambuco, Paulo Câmara, que lutam para preservar o mando sobre o PSB – e seus principais ativos: tempo de TV e fundo partidário. Os “pessebistas de raiz” tentam ganhar tempo para expurgar congressistas pró-Temer, liderados pelo deputado Heráclito Fortes. Após a decantação, a paz? Não necessariamente. Em março, deve ser a vez do PSB puro-sangue brigar entre si. Marcio França empurra o partido para a chapa de Geraldo Alckmin; a ala nordestina defende o lançamento de candidatura própria.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

19.09.17
ED. 5707

Cooptação no atacado

Rodrigo Maia está fazendo um arrastão: pelo menos 12 dos 33 deputados do PSB admitem se mudar de mala e cuia para o DEM.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

11.09.17
ED. 5701

A desavergonhada base aliada de Alckmin

A capitalização da Sabesp virou objeto de um descarado joguete político em São Paulo. Deputados aliados – muy aliados – de Geraldo Alckmin ameaçam brecar este e outros projetos de interesse do Palácio dos Bandeirantes na Assembleia Legislativa. O motivo da “rebelião”, liderada por parlamentares do PSB, PTB e do próprio PSDB, é o de sempre e pode se descrito sob a forma de cifrões.

Alckmin teria descumprido a promessa de liberação adicional de verbas do orçamento estadual. Geraldo Alckmin passou o feriadão trabalhando nos bastidores para conter o motim e evitar atrasos no redesenho da Sabesp. A proposta de criação de uma holding de saneamento que terá a estatal embaixo foi a engenharia encontrada pelo governo para capitalizar a empresa sem vender suas ações – operação que envolve até o IFC, do Banco Mundial.

Tudo, no entanto, pode ficar parado semanas, meses, se assim os deputados quiserem. A primeira represália mais aguda contra Alckmin veio na semana passada: vinte dos 21 líderes de bancadas da Assembleia assinaram um requerimento exigindo que o presidente da Casa, Cauê Macris (PSDB), coloque em votação a Proposta de Emenda à Constituição estadual (PEC 5) que altera o limite de remuneração do funcionalismo público e desarruma o orçamento paulista.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

01.09.17
ED. 5696

Coisas da genética política

A família Campos/Arraes é um rio que vai se dividir ainda mais nas próximas eleições. No PSB e no próprio clã, é grande a “pressão” para que João Henrique Campos, filho de Eduardo Campos e tido como o seu sucessor político, se candidate à Câmara dos Deputados. Caso aceite a convocação, provavelmente dividirá palanque no Recife com o candidato tucano à presidência, sobretudo se ele for Geraldo Alckmin, aliado do PSB. Neste caso, o jovem João Henrique baterá de frente com Marilia Arraes. Prima de Eduardo Campos e neta de Miguel Arraes, Marilia concorrerá ao governo de Pernambuco pelo PT.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

15.08.17
ED. 5683

O inventário político de Eduardo Campos

O PSB alimenta a expectativa de que Ana Arraes, mãe de Eduardo Campos, deixe seu cargo no TCU para disputar uma vaga na Câmara ou no Senado em 2018. Seria o nome e sobrenome mais forte numa família que, sozinha, já é um partido. Antônio e Pedro Campos, respectivamente irmão e filho de Eduardo, concorrerão a deputado federal. Marilia Arraes, sua prima, será candidata ao governo de Pernambuco. Veladamente, ou nem tanto, todos duelam pelo capital político do ex-governador pernambucano.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

01.08.17
ED. 5673

Caça às bruxas no PSB

A direção nacional do PSB vai se reunir amanhã mesmo, após a votação do pedido de abertura de inquérito contra Michel Temer, para decidir o que fazer com os parlamentares que ficarem ao lado do governo. Ontem à noite, Beto Albuquerque, um dos líderes do partido, defendia uma punição para os dissidentes, leia-se a expulsão do partido.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

19.07.17
ED. 5664

Os Maias

A “base aliada” de Rodrigo Maia ganhou novas adesões. Na tarde de ontem, Maia confidenciou a uma fonte do RR que dá como certo o apoio de todos os deputados do PDT e de dois terços da bancada do PSB a sua candidatura à Presidência em caso de eleição indireta.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

07.07.17
ED. 5656

Operação França

O vice-governador de São Paulo, Marcio França, é pule de dez para assumir a presidência do PSB. Bom para Geraldo Alckmin, que garante, desde já, a aliança siderúrgica com a sigla para a sua candidatura à Presidência da República. Fica faltando o apoio do próprio PSDB.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

08.05.17
ED. 5613

Camisa 11

PROS e PR querem “comprar” o passe de Romário (PSB). No primeiro, ele tem a garantia de ser o candidato ao governo do Rio em 2018. No caso do PR, no entanto, provavelmente ficará na reserva de Anthony Garotinho ou de sua filha, Clarissa Garotinho. Não é do feitio do baixinho…

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

01.02.17
ED. 5551

Petista assediado

É grande o risco do PT perder uma de suas principais lideranças no Nordeste. O  governador do Ceará, Camilo Santana, vem sendo cortejado não só pelo PSB, mas até mesmo pelo PSDB. O cupido, neste caso, é o senador Tasso Jereissati.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

18.11.16
ED. 5498

Cavalo dado…

O PSB foi contra o apoio de Romário a Marcelo Crivella, mas nada fará para evitar que o senador indique um dos secretários do futuro prefeito.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

05.08.16
ED. 5427

Portas abertas

 PDT e PRB já abriram as portas ao senador Romário. A permanência do ex-jogador no PSB tornou-se uma incógnita após a sua mal contada desistência de concorrer à Prefeitura do Rio.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

25.02.16
ED. 5314

Arco-íris

 O velho PSB virou um balaio de gatos. Além do flerte com Geraldo Alckmin, abriu as portas para ACM Netto, que levaria boa parte do DEM.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

 O deputado federal Luciano Ducci (PSB) está disposto a enfrentar de qualquer jeito o prefeito Gustavo Fruet (PDT) na disputa por Curitiba. A carta na manga de Ducci é o apoio, ainda velado, do governador Beto Richa, de quem foi vice na prefeitura até 2010.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

07.08.15
ED. 5180

A senadora Marta Suplicy

A senadora Marta Suplicy anda num permanente estado de êxtase. Nunca antes ela se sentiu politicamente tão desejada: além do PSB e do PMDB, o PROS também tem mandado flores e bilhetinhos de amor para a ex-petista

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

03.07.15
ED. 5155

Estilo Marta

Já faz dois meses que o presidente do PSB-SP, Marcio França, mofa com a ficha de filiação nas mãos, a  espera da assinatura de Marta Suplicy. Qual o espanto?

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.