08.09.17
ED. 5700

Magazine Luiza faz seu hedge digital

Enquanto a matriarca Luiza Helena Trajano flerta com as urnas, Frederico Trajano, CEO e herdeiro do Magazine Luiza, só tem olhos para o e-commerce. Neste momento, está empenhado em ampliar a operação de marketplace. Hoje, são aproximadamente 250 parceiros que utilizam a plataforma da empresa; no ano que vem, deverão ser 500. A meta do Magazine Luiza é que até 2022 o e-commerce responda por 50% da receita total. Serve como uma apólice futura contra a inevitável deterioração do varejo convencional.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.