11.09.15
ED. 5204

Calendário

A cada dois ou três dias até o final do mês, o calendário promete ser trepidante. No feriado judaico do Rosh Hashaná, na próxima segunda-feira, os operadores de mesa, notadamente nos Estados Unidos, reduzem sua exposição aos riscos. Com isto, a terça-feira pode ser de ajuste de posições e elevação dos spreads. No dia 17, para que ninguém desacelere, está marcada a reunião do Federal Reserve. Há apostas no mercado de que o FED poderá promover uma pequena alta dos juros, de até 0,25%. Em outra conjuntura, uma elevação nesse patamar não faria cosquinha. Agora, são outros quinhentos. Seguindo a aventura, é esperada a partir do dia 20 de setembro a divulgação da pesquisa de popularidade CNT/MDA.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.