09.03.18
ED. 5822

Uma vez Abilio, sempre Abilio

Um ex-alto executivo de Abilio Diniz acha que a patologia narcisa e beligerante do antigo chefe vai adiar o epílogo da sua história na BRF. Abilio tem bala no cofre para comprar a parte de um eventual sócio disposto a sair. E tem network para atrair endinheirados dispostos a entrar com ele na parada. Quem sabe gente do Conselho do Carrefour? Quem sabe o Carrefour? Se Abilio decidir infernizar a BRF como fez com o Pão de Açúcar, vai comprar ações baratinhas.

Por falar em BRF, um grande fundo de Cingapura está se empanturrando de ações da empresa em bolsa. Já teria mais de 2% do capital. O mais provável é que fi que quietinho no seu canto, apenas esperando o papel subir para realizar o lucro.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.