14.11.18
ED. 5994

Um pedacinho de terra que caiu do céu

A ida de Tereza Cristina (DEM-MS) para o Ministério da Agricultura foi particularmente festejada no PSDB do Centro-Oeste. A nomeação reabrirá uma vaga na Câmara para Geraldo Resende, deputado federal que não se reelegeu em outubro. Enquanto Tereza permanecer na Pasta, Resende assegurará o foro privilegiado. No ano passado, o ministro do STF Marco Aurélio Mello determinou que a Polícia Federal averiguasse as contas bancárias do parlamentar, acusado de corrupção. Resende está citado na Operação Uragano, que investiga o pagamento de propina em troca de obras públicas na cidade de Dourado (MS).

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.