Tag: Arteris

Empresa

Arteris recebe um reforço financeiro de seus acionistas

11/08/2023
  • Share

Os acionistas da Arteris – a espanhola Abertis e a canadense Brookfield – bateram o martelo: vão realizar um aumento de capital na empresa. A holding de infraestrutura atravessa um momento delicado, com o caixa excessivamente justo para honrar o plano de investimentos de suas sete concessões rodoviárias. Há outro fator de pressão sobre a companhia e seus sócios: o elevado endividamento. O passivo de curto prazo soma quase R$ 10 bilhões, o equivalente a quatro vezes o Ebitda.

#Arteris #Brookfield

Cantando pneu

5/08/2022
  • Share

A Arteris subiu o tom: nos bastidores, ameaça devolver suas concessões em São Paulo se o governador Rodrigo Garcia levar adiante a proposta de congelamento das tarifas de pedágio.

#Arteris #Rodrigo Garcia

De novo na pista

16/05/2022
  • Share

A Arteris vai sair do acostamento. Ausente das mais recentes licitações do setor, a empresa – leia-se a espanhola Abertis e a Brookfield – está fazendo caixa para disputar as concessões rodoviárias programadas para o segundo semestre.

#Arteris #Brookfield

Pé na estrada

18/10/2021
  • Share

Nos corredores do Ministério da Infraestrutura, a Arteris – leia-se Brookfield e a espanhola Abertis – é considera presença certa no leilão da Nova Dutra, marcado para o dia 29 de outubro.

#Arteris #Brookfield #Ministério da Infraestrutura

Pé na estrada

6/09/2021
  • Share

A Arteris deverá entrar pesado no leilão da BR-381, em Minas Gerais, marcado para 25 de novembro. O investimento previsto é superior a R$ 7 bilhões, a maior parte destinada à duplicação dos mais de 400 quilômetros da rodovia. Consultada, a empresa não se manifestou.

#Arteris

Estrada vicinal

4/06/2021
  • Share

Enquanto o leilão da Via Dutra, seu grande objeto de desejo, não chega, a Arteris vai esquentando os pneus em outros asfaltos: segundo o RR apurou, a empresa deverá disputar o leilão da concessão do Litoral Paulista, um pacote de 222 km de rodovias. O investimento estimado na operação é da ordem de R$ 3 bilhões.

#Arteris

Pé na estrada

22/04/2021
  • Share

A Arteris deverá entrar na disputa pelas rodovias BR-163/230, no trecho entre Mato Grosso e Pará, que serão leiloadas em julho. Os investimentos obrigatórios beiram os R$ 3 bilhões.

#Arteris

Pé na estrada

26/02/2021
  • Share

A espanhola Arteris é tida no próprio Ministério da Infraestrutura como forte candidata à licitação da BR-163, entre Mato Grosso e Pará. Em jogo, um pacotão de investimentos da ordem de R$ 2 bilhões.

#Arteris

“Bolsa asfalto”

23/06/2020
  • Share

O governo Doria acelera as tratativas com os grupos do setor – a exemplo de CCR e Arteris – para a renovação antecipada de concessões rodoviárias de São Paulo. A medida funcionará como uma espécie de “bolsa asfalto”, leia-se uma compensação pelas perdas sofridas pelas concessionárias com a pandemia.

#Arteris #CCR

Asfalto e terra batida

21/06/2019
  • Share

A decisão do Ministério da Infraestrutura de embalar no mesmo pacote as concessões da Rio-Teresópolis e do Arco Metropolitano – ambas serão ofertadas ao mercado em 2020 – não agradou os investidores. Grupos como CCR e Arteris estariam condicionado sua participação no leilão ao desmembramento dos ativos. Querem o filé mignon (a Rio-Teresópolis, hoje a cargo da CRT), mas não a carne de segunda (o Arco Metropolitano).

#Arteris #CCR

João Doria para todos

12/04/2019
  • Share

Os dirigentes da Arteris, dona da Centrovias, também esperam ter a deferência da presença do governador João Doria em um de seus eventos, confirmando a renovação das concessões rodoviárias que vencem em seu mandato. Tudo em nome da isonomia. Na última segunda-feira, Doria compareceu a um encontro de investidores da CCR, quando anunciou a extensão de todos os contratos que expiram até 2022. É o caso da Renovias e da Via Oeste, pertencentes à companhia. Em tempo: naquele mesmo dia, as ações da CCR subiram 25%.

#Arteris #João Doria

Próxima parada

31/10/2018
  • Share

A espanhola Arteris desistiu de participar do leilão da Rodovia de Integração do Sul, previsto para amanhã. Os ibéricos preferem guardar munição para o pacote de estradas federais que deverá ser licitado em 2019, informação confirmada pela empresa ao RR.

#Arteris

Rota alternativa

6/04/2018
  • Share

Enquanto o Programa de Parcerias de Investimentos (PPIs) caminha em marcha lenta, a Arteris – leia-se a espanhola Abertis e a Brookfield – volta suas baterias para o pacote de concessões que o governo do Mato Grosso pretende leiloar neste ano, orçado em R$ 1,5 bilhão. Com atuação concentrada em São Paulo, o grupo busca uma porta de entrada no sistema logístico do Centro -Oeste. Um dos alvos seria a operação da MT-100, na região do Alto Araguaia.

#Abertis #Arteris #Brookfield

Desejável solidão

12/12/2017
  • Share

A Brookfield está sedenta para comprar a parte da espanhola Abertis e assumir sozinha o volante da Arteris, dona de nove concessões rodoviárias ou mais de três mil quilômetros de asfalto.

#Abertis #Arteris #Brookfield

Camisa de força

27/10/2017
  • Share

A crise política na Espanha, decorrente do movimento separatista catalão, respingou na Arteris, dona de nove concessões rodoviárias no Brasil. Segundo o RR apurou, os projetos da empresa estão paralisados à espera de uma definição sobre o futuro de seu controlador, a espanhola Abertis. Os problemas políticos no país ibérico praticamente interromperam as negociações para a venda da companhia à italiana Atlantia. Ao mesmo tempo, há uma forte pressão para que a Abertis transfira sua sede de Barcelona para outra cidade espanhola.

#Abertis #Arteris

Um problema a menos

9/08/2017
  • Share

A Arteris (Brookfield e a espanhola Abertis) tem interesse na compra da MGO Rodovias, que opera a BR- 050 entre Minas e Goiás. O ativo estaria avaliado em R$ 500 milhões. No Ministério dos Transportes há uma discreta torcida pela operação. O receio é que as nove empreiteiras de médio porte que controlam a concessão não tenham musculatura para investir R$ 1,5 bilhão até 2020. Procurada, a MGO negou a venda. Já a Arteris não quis se pronunciar.

#Arteris #Brookfield

Brookfield pilota criação da maior holding rodoviária do Brasil

25/07/2017
  • Share

A Brookfield já tem R$ 60 bilhões em ativos no Brasil e quer mais. Neste momento, “mais” significa a criação da maior holding de concessões rodoviárias do país, a partir de duas operações em paralelo conduzidas pelos canadenses. De um lado, o grupo negocia a aquisição da carteira da Odebrecht Transport (1,8 mil quilômetros de estradas em seis estados); do outro, movimenta-se para assumir o controle da Arteris, que reúne um colar de nove concessões, com mais de 3,2 mil quilômetros. A Brookfield já detém 56% da empresa e pisa no acelerador para ficar com o restante das ações, pertencente à espanhola Abertis.

Estima-se que as duas negociações envolvam um investimento somado da ordem de R$ 5 bilhões. Mais à frente, todas estas estradas se encontrariam, com a fusão das concessões da Odebrecht e da Arteris sob o mesmo guarda-chuva. A Brookfield teria, então, uma operação integrada com faturamento superior a R$ 6 bilhões e mais de cinco mil quilômetros sob administração, deixando para trás a atual líder do setor, a CCR (3,5 mil quilômetros). Procurada pelo RR, a Odebrecht Transport informou que “segue com seu plano de reestruturação que inclui a busca por novos investidores para seu portfólio de rodovias”.

Brookfield e Abertis não quiseram comentar o assunto. Segundo fonte próxima à Brookfield, o acordo com a Odebrecht Transport deve ser sacramentado até o fim de agosto. No caso da Arteris, o timing é uma variável ainda mais importante. Isso porque a própria Abertis está à venda na Espanha. A Brookfield considera fundamental comprar a participação dos sócios e tomar o controle da Arteris antes da venda do grupo ibérico e, automaticamente, da entrada de um novo acionista na empresa brasileira. Esse investidor, eventualmente, pode vir a ser um obstáculo aos planos dos canadenses. Segundo a mídia local, os candidatos mais fortes à aquisição da Abertis são a italiana Atlanta e a também espanhola ACS, de propriedade de um dos homens mais ricos do país, Florentino Perez, presidente do Real Madrid.

#Arteris #Brookfield #Odebrecht #Rodovias

Arteris deixa governo paulista na saudade

2/03/2017
  • Share

Entre os grupos que fizeram forfait no leilão das rodovias de São Paulo, a ausência que mais causou mal estar no Palácio Bandeirantes foi a da Arteris, leia-se Brookfield e a Abertis. Nos dias que antecederam à apresentação das propostas, representantes da empresa garantiam a participação na concorrência. No governo paulista havia grande expectativa de que a simples presença da Arteris elevaria a linha de corte das ofertas.

#Abertis #Arteris #Brookfield

Curva fechada

25/01/2017
  • Share

Encalacrada por uma dívida de R$ 3,5 bilhões, a Triunfo está em conversações com a espanhola Arteris para a venda da concessionária Concebra. A operação tornou-se praticamente inevitável depois que o BNDES decidiu executar as fianças bancárias de um empréstimo-ponte de R$ 800 milhões à Concebra.

#Arteris #BNDES #Concebra #Grupo Triunfo

Brookfield e Abertis em estradas opostas

28/12/2016
  • Share

A Brookfield fez uma nova proposta à espanhola Abertis para deixar o capital da Arteris, dona de nove concessões rodoviárias no país. O modelo passa pelo spin off da companhia: cada sócio seguiria seu caminho com parte dos ativos. Não é de hoje que Brookfield e Abertis se desentendem sobre o plano de expansão da Arteris. Com o tanque cheio de dólares, o grupo canadense defende que a concessionária parta para novas aquisições. Mas encontra pela frente uma cancela chamada Abertis.

#Abertis #Arteris #Brookfield

Bifurcação

23/08/2016
  • Share

 A Brookfield não quer mais ser minoritária na Arteris, concessionária de rodovias. Formalmente, os canadenses negam, mas, segundo fonte do RR próxima ao gupo, pesam as divergências com a espanhola Abertis, dona de 51% do negócio, e o alto endividamento da empresa, na casa dos R$ 6 bilhões. • As seguintes empresas não retornaram ou não comentaram o assunto: Arteris.

#Arteris #Brookfield

Pé no asfalto

11/08/2016
  • Share

 A espanhola Abertis é forte candidata a disputar o leilão da rodovia entre Jataí (GO) e Uberlândia (MG), que deverá fazer parte da primeira fornada de concessões do governo de Michel Temer. Por meio da Arteris, uma sociedade com a Brookfield, a empresa ibérica já administra mais de três mil quilômetros em estradas no país.

#Abertis #Arteris #Brookfield

Canoa furada

18/04/2016
  • Share

 A Brookfield começa a achar que embarcou numa canoa furada ao se associar à Arteris. Além da queda de receita das concessões rodoviárias do grupo, na ordem de 10%, a intenção dos espanhóis de comprar novos ativos no Brasil tem causado fortes divergências. A Brookfield se pergunta como a Arteris, engasgada com uma dívida de R$ 6 bilhões, vai financiar as aquisições. Os canadenses não querem nem saber a resposta. As seguintes empresas não retornaram ou não comentaram o assunto: Brookfield e Arteris.

#Arteris #Brookfield

Itaú e Ultra avançam no pedágio eletrônico

15/04/2016
  • Share

 Os Setúbal e o Grupo Ultra estão dispostos a pagar o pedágio que for necessário para a montagem de uma grande operação de cobrança eletrônica em rodovias. Por pedágio leia-se a compra da Move Mais, pertencente ao grupo paulista Dux. A aquisição daria um novo gás à ConectCar, controlada pelo Banco Itaú e pela Ipiranga. A empresa saltaria de 20% para perto de 30% de market share no segmento de cobrança eletrônica de pedágios, reduzindo consideravelmente a distância para a líder do setor, a norte-americana FleetCor.  O negócio de cobrança eletrônica é estratégico tanto para o Itaú quanto para a Ipiranga, por conta da sinergia com o varejo bancário e a atividade de distribuição de combustíveis. Além das agências bancárias, os 7,2 mil postos da rede funcionam como pontos de venda dos serviços da ConectCar.  O objetivo da ConectCar é dar uma rápida resposta à sua maior concorrente. A FleetCor, que já era dona da DBTrans, comprou recentemente o controle da STP, até então pertencente ao trio CCR, Raízen e Arteris. Passou a ter mais de 40% de participação no mercado. Com isso, a aquisição da Move Mais tornou-se fundamental para os planos do Itaú e da Ipiranga. Mesmo porque trata-se de uma das últimas empresas do setor capazes de fazer diferença no ranking nacional. As seguintes empresas não retornaram ou não comentaram o assunto: ConectCar e Move Mais.

#Arteris #CCR #ConectCar #DBTrans #Dux #FleetCor #Grupo Ultra #Ipiranga #Itaú #Move Mais #Raízen #STP

Brookfield joga pôquer com a Invepar

3/02/2016
  • Share

  A desistência de participar da disputa pela compra da parte da OAS na Invepar é a aposta mais arriscada da Brookfield Infrastructure no mercado brasileiro este ano. A estratégia do blefe foi toda arquitetada pelo presidente da companhia, Sam Pollock, que convenceu o grupo canadense de que o preço e o acordo de acionistas acertado entre a OAS e os fundos de pensão na criação da Invepar podem ser modificados na bacia das almas. Pollock aposta que ninguém bancará no leilão o valor de R$ 1,35 bilhão ofertados pela Brookfield pelos 24,4% da construtora baiana na holding de concessões. Desta forma, voltará à mesa de negociações com a faca e o queijo para ofertar menos e ainda exigir da Previ, Funcef e Petros um novo acordo de acionistas que entregue a gestão da Invepar e não exija exclusividade de sociedade nos futuros leilões de rodovias. A Brookfield é sócia da espanhola Arteris – operadora de estradas em São Paulo – e tudo o que menos quer é ficar amarrada à Invepar. Pollock sabe que o blefe faz parte desse jogo de pôquer, mas um eventual fracasso será exclusivamente debitado na sua conta. A Brookfield não comentou o assunto.

#Arteris #Brookfield #Funcef #Invepar #OAS #Petros #Previ

Arteris

16/11/2015
  • Share

 O resultado da Arteris em 2015 deverá ser o mais baixo desde que o grupo espanhol se instalou no Brasil, há 18 anos. Na média, a queda de receita das concessões chega a 10%. Não por acaso, a S&P já rebaixou o rating da Arteris, levando junto a nota de crédito do presidente da subsidiária brasileira, David Almazán. Seu mandato vence em abril e na empresa ninguém aposta na renovação. A Arteris admite que a receita com pedágio foi impactada pela interrupção da cobrança dos eixos suspensos de caminhões vazios nas rodovias federais. Mas garante que parte do faturamento será reequilibrada na próxima revisão tarifária.

#Arteris #Rodovias

Muito asfalto e pouco crédito

2/10/2015
  • Share

O rebaixamento da nota de crédito da Arteris Brasil pela Standard & Poor’s vai custar caro ao grupo espanhol. Diante da dificuldade de obter crédito a um custo palatável, a subsidiária vai recorrer à matriz para cumprir o programa de investimentos de suas nove concessões rodoviárias no país. Tamanho do espeto: cerca de R$ 1 bilhão.

#Arteris

Praça do pedágio

29/07/2015
  • Share

A espanhola Arteris estaria negociando a compra da concessionária BR-153, um dos ativos colocados à  venda pelo Grupo Galvão.

#Arteris #Queiroz Galvão

Buraco na pista

4/05/2015
  • Share

Vai ser difícil para a Arteris fechar suas contas no Brasil em 2015. Os espanhóis terão obrigatoriamente de desembolsar quase R$ 9 bilhões em suas concessões rodoviárias. Isso no ano em que o grupo prevê uma perda de receita entre 5% e 10% e uma queda de lucro de até 20%.

#Arteris

Acervo RR

Banco Pátria

6/08/2010
  • Share

O relacionamento entre o fundo norte-americano Blackstone e o Banco Pátria, de Alexandre Saigh e cia., está devagar, quase parando. A parceria na área de advisory esfriou. O projeto de investimentos em private equity não emplacou. No Banco Pátria, os mais paranóicos já estão sentindo um cheiro de divórcio no ar.

#Abertis #Arteris #Brookfield

Todos os direitos reservados 1966-2024.