12.03.19
ED. 6070

Sempre alerta

O presidente do Banco do Brasil, Rubens Freitas Novaes, vai mudar o discurso, sempre crítico sobre o quadro de pessoal, corporativismo e controle da instituição pelo Estado. Novaes continua pensando a mesma coisa. Mas recebeu um conselho daqueles que devem ser seguidos.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.