04.02.19
ED. 6047

Promessa maior

Nas reuniões com empresários e entidades classistas, sempre a portas fechadas, Paulo Guedes afirma que não baixará alíquotas para importação de produtos sem antes dar condições de competividade aos fabricantes nacionais. Mas nada de subsídios. Segundo ainda o ministro, a abertura das nossas fronteiras aos exportadores globais será gradual.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.