06.09.17
ED. 5699

Paredes de papelão

A reestruturação da PDG e de sua dívida de mais de R$ 5 bilhões periga virar obra de igreja. Segundo o RR apurou, a incorporadora deverá solicitar à 1ª Vara de Falências de São Paulo um novo adiamento do prazo para os credores analisarem seu plano de recuperação judicial, já estendido uma vez pela Justiça – o dead line em vigor está previsto para 18 de setembro.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.