04.07.18
ED. 5902

O bipartidarismo da BRF

Luiz Fernando Furlan, conselheiro da BRF, é considerado pule de dez para assumir o comando do board no lugar de Pedro Parente, que ficará “apenas” com a presidência executiva. Ou seja: a “nova BRF” nascerá da parceria de um ex-ministro de FHC com um ex-ministro de Lula.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.