01.11.19

Vara de Família

Um episódio inusitado está fervilhando nos bastidores do Judiciário do Rio de Janeiro. Trata-se do pedido de instauração de processo administrativo contra um juiz por “violação dos deveres profissionais”. A violação em questão mistura o público e o privado: o magistrado é acusado pela própria esposa de manter relações extraconjugais e, por esta razão, se ausentar constantemente de seu gabinete, durante o horário de expediente, para bater ponto em motéis da cidade. Se a denúncia firmar jurisprudência…

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.