fbpx
02.01.20

Um afago ao Nordeste

O ministro Paulo Guedes bateu o martelo: a gestão do Crediamigo, o programa de microcrédito do governo federal, permanecerá com o Banco do Nordeste. Banco do Brasil e Caixa Econômica cobiçavam a carteira de R$ 4,6 bilhões.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.