fbpx
14.01.20

Um 7×1 para a reputação da Fiat

O Cruzeiro ainda queima seus últimos cartuchos, mas nem mesmo uma redução dos valores deverá convencer a Fiat a renovar o contrato de patrocínio do clube mineiro. A questão é a agenda criminal que tomou conta da “Raposa”. O clube é alvo de investigações sobre supostos desvios de recursos e lavagem de dinheiro, que levaram ao afastamento ou à renúncia de diversos dirigentes. Para ser ter uma ideia do peso que o assunto ganhou na Fiat, as discussões sobre o contrato e os riscos para a imagem institucional da companhia chegaram até a matriz, em Turim. Consultada, a empresa informou que “está avaliando os resultados da iniciativa ao longo de 2019 para tomar uma decisão sobre o patrocínio aos times de futebol”.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.