Trigo da discórdia

  • 9/09/2022
    • Share

A argentina Bioceres – responsável pelo desenvolvimento do HB4, o primeiro trigo transgênico do mundo – pretende comercializar sementes geneticamente modificadas no Brasil. No ano passado, a CTNBio já autorizou a venda de farinha derivada do cereal transgênico. A medida, no entanto, gerou forte polêmica. A Associação Brasileira da Indústria do Trigo (Abitrigo) se posicionou contra a liberação da farinha. Agora, pressiona a CTNBio para barrar a possibilidade de venda do HB4. A semente da Bioceres é resistente ao glifosato, o que aumenta a possibilidade de resíduos do agrotóxico, considerado  cancerígeno pela OMS.

#Bioceres #CTNBio

Leia Também

Todos os direitos reservados 1966-2024.

Rolar para cima