fbpx
07.12.17

Segunda época

A desistência da Tarpon em vender a Somos Educação deve durar só um verão. A gestora pretende retomar a negociação no primeiro semestre de 2018, na expectativa de que uma recuperação mais firme da economia valorize o ativo. Segundo o RR apurou, a melhor oferta recebida pela Tarpon teria ficado R$ 400 milhões abaixo da sua pedida.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.