fbpx
15.10.19

Planta da discórdia

De acordo com informações filtradas da própria Anvisa, a diretoria da agência recebeu forte pressão, especialmente do ministro da Cidadania, Osmar Terra, para adiar novamente a sessão que votará a liberação ou não do plantio de maconha para fins medicinais. A reunião, originalmente agendada para o último dia 7, foi remarcada para hoje. Até ontem, às 19h40, a sessão estava mantida. A ver.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.