fbpx
09.12.19

Muita fumaça à vista

O RR teve a informação de que, no mais tardar até amanhã, o Conselho Federal de Medicina (CFM) vai emitir um alerta formal aos profissionais da área de saúde em relação a doenças causadas por cigarros eletrônicos. O Brasil registrou os primeiros três casos de E cigarrette or vaping product use-associated lung Injury – conhecida pela sigla Evali, moléstia pulmonar relacionada ao uso dispositivo. Todas as 252 instituições médicas e hospitalares que compõem a chamada Rede Sentinela serão orientadas a relatar ao Ministério da Saúde qualquer suspeita da doença. Os registros de Evali vão aumentar a pressão para que a Anvisa recue na intenção de autorizar a comercialização de cigarro eletrônico no país.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.