Destaque

Lítio entra no mapa da “JBS da transição energética”

  • 11/10/2023
    • Share

Os irmãos Batista têm planos de criar a “JBS da transição energética”. O projeto passa pela ampliação das atividades da J&F Investimentos na área de mineração, com a sua entrada na produção de lítio. No grupo, há o entendimento de que este seria um momento propício para aquisições, uma vez que os poucos projetos existentes no Brasil ainda estão em período de maturação.

A tendência é que os ativos fiquem mais caros à medida que entraram em fase operacional. Vide a canadense Sigma Lithium, que nem bem iniciou a extração e já colocou sua subsidiária no Brasil à venda. A intenção da J&F é ter um arco de negócios voltados à produção de energia limpa. Ainda na mineração, seus planos incluem também a extração de níquel, outro insumo para a descarbonização da matriz energética – conforme o RR já informou, o conglomerado dos irmãos Batista teria interesse em disputar concessões no setor. A “JBS da transição energética” englobaria ainda a Âmbar Energia e outras atividades já existentes no grupo, como a produção de bioenergia a partir do metano emitido por suas fábricas e de resíduos orgânicos, como o sebo do boi e o óleo de cozinha. Procurada pelo RR, a J&F não quis se manifestar.

LEIA AINDA HOJE NO RR: OS NOVOS INVESTIMENTOS DA J&F EM LOGÍSTICA. 

#J&F Investimentos #JBS #Lítio

Leia Também

Todos os direitos reservados 1966-2024.