fbpx
21.12.18

José Dirceu “entra” em recuperação judicial

Ainda que por vias oblíquas, José Dirceu tornou-se um dos ilustres credores da Saraiva. Em recuperação judicial, com dívidas de quase R$ 700 milhões, a rede de livrarias não repassou à Geração Editorial os valores referentes à venda de aproximadamente seis mil exemplares de “Zé Dirceu – Memórias – Volume I”. Ouvida pelo RR, a Geração não comentou especificamente a dívida relativa à primeira parte da autobiografia do “Comandante”. Mas confirmou ter feito um acordo com a Saraiva, “nos termos da recuperação judicial”. Segundo a editora, a dívida é “modesta”, não obstante os mais de 500 títulos da Geração que estão consignados na rede varejista. A Saraiva, por sua vez, disse que “não abre tratativas comerciais”. O fato é que, enquanto, a empresa não pagar a dívida, Dirceu ficará sem receber. Ressalte-se que os seis mil exemplares equivalem a 20% da tiragem total da obra

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.