fbpx
16.07.20

Garganta profunda

O deep throath que ajudou o Ministério Público a encontrar R$ 8,5 milhões em espécie supostamente pertencentes ao ex-secretário de Saúde do Rio, Edmar Santos, ataca novamente. Tem municiado a Justiça com documentos e trocas de mensagens que comprovariam o desvio de recursos para a compra de respiradores no estado.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.