fbpx
13.11.20

Dilma empurra pedido de anistia

Entre os integrantes da Comissão de Anistia, o entendimento é que a própria defesa de Dilma Rousseff iniciou uma “Operação Tartaruga” no intuito de procrastinar o julgamento do processo da ex-presidente. Os advogados de Dilma têm apresentado seguidos recursos à Comissão. Diante das reduzidas chances do pedido de indenização ser aprovado neste momento, seria uma estratégia da defesa de Dilma para fugir da “era Bolsonaro”, empurrando o julgamento para 2023. Talvez seja o caso de trabalhar com 2027…

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.