fbpx
03.04.18

Custo Rio

Não são apenas as redes varejistas que sofrem com o roubo de mercadorias no Rio. Grandes empresas de alimentos, a exemplo Unilever, têm sido obrigadas a pagar até 60% a mais no seguro de suas cargas no estado.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.