fbpx
11.11.20

Clubes querem chutar o Profut para março

O RR bate na bola de primeira: existe uma avançada articulação entre os dirigentes dos grandes clubes brasileiros e o governo para que a suspensão dos pagamentos do Profut seja estendida ao menos até o fim do primeiro trimestre de 2021. As tratativas passam também pelo presidente da Câmara, Rodrigo Maia. A ideia é equalizar o prazo do waiver ao encerramento da temporada de 2020, que vai ocorrer apenas entre fevereiro e março do ano que vem. Esse encontro de contas depende fundamentalmente da receita da TV: a premiação pelo Brasileiro deste ano só será paga depois de março. Ou seja: nos três primeiros meses do ano os clubes não teriam receita suficiente para arcar com o retorno das parcelas do Profut, o programa de refinanciamento das dívidas fiscais das agremiações.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.