fbpx
13.05.20

Blockchain

A Advocacia Geral da União já trabalha em um recurso a ser encaminhado ao STF defendendo a manutenção do sigilo do cartão corporativo não apenas da Presidência da República, mas também dos Ministérios. O MBL entrou com uma ação na Suprema Corte pedindo a divulgação dos gastos do presidente Jair Bolsonaro.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.