As últimas pinturas da esmaecida Lava Jato

  • 20/05/2021
    • Share

A Polícia Federal avalia pedir à Justiça a desapropriação de dezenas de obras de arte apreendidas em janeiro de 2020 na casa de Marcio Lobão, filho do ex-ministro Edison Lobão e ex-presidente da Brasilcap. O executivo é investigado, no âmbito da Lava Jato, por suposta participação em um esquema de corrupção na Transpetro. Há suspeitas de que a compra das peças de arte, hoje sob a guarda do Museu Oscar Niemeyer, em Curitiba, teria servido para ocultar e dissimular o recebimento de propina.

#Marcio Lobão

Leia Também

Todos os direitos reservados 1966-2024.

Rolar para cima