05.06.19

Advent passa a faca no Walmart

O Advent, que comprou o Walmart no Brasil no ano passado, está cortando na carne com o objetivo de estancar os seguidos prejuízos da operação. Depois de desativar sua plataforma de e-commerce, a rede varejista prepara o fechamento de aproximadamente 25 supermercados e hipermercados. Segundo informações filtradas do próprio Walmart, a desativação dessas lojas será feita ao longo do segundo semestre. São pontos de venda deficitários da própria bandeira Walmart no Sudeste e do Bompreço, no Nordeste. A pressão sobre Luiz Fazzio, escolhido pelo Advent para comandar o Walmart no país, é grande. Até o momento, a gestão do ex-Carrefour não tem conseguido entregar os resultados aguardados pelos norte-americanos. O grupo varejista caminha para fechar mais um ano no vermelho. Em 2018, de acordo com a mesma fonte, o prejuízo foi superior a R$ 300 milhões.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.