fbpx
27.11.18

Acron aduba seu Plano B no Brasil

A russa Acron tem interesse em assumir as três fábricas de mistura de fertilizantes que estavam arrendadas à Heringer e serão desativadas em 2019. A operação soaria como uma espécie de prêmio de consolação diante da dificuldade do grupo em comprar a unidade de nitrogenados da Petrobras em Três Lagoas (MS), um negócio estimado em mais de R$ 3 bilhões. As negociações esbarraram na liminar do ministro Ricardo Lewandowski, condicionando a venda de ativos estatais à autorização pelo Congresso Nacional.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.