10.07.15

Microsoft

O ex-nº1 da Microsoft no Brasil Mariano de Beer negociou com os norte-americanos os cortes na subsidiária, costurou com cada área de onde sairiam os 150 deletados e, na hora H, convenientemente saiu da “cena do crime”, assumindo a divisão de novos mercados para a América Latina. Coube a sua substituta, Paula Bellizia, celebrar sua chegada ao cargo com um velório trabalhista.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.