02.07.19
ED. 6147

Na marca do pênalti

Os executivos da área de marketing da Fiat respiraram aliviados com a sofrida classificação da seleção brasileira para a semifinal da Copa América. Patrocinadora da CBF há apenas três meses, a montadora já havia visto parte do investimento inicial em publicidade se dissipar com a desclassificação da seleção feminina da Copa do Mundo. Ressalte-se que a próxima “grande” competição será apenas a Copa América de 2020. Até lá a recém-chegada Fiat terá de se contentar com oportunidades menos nobres de associar sua marca à seleção brasileira.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.