A menos de duas semanas para o segundo turno, Marcelo Crivella formou uma coalizão da fé em torno da sua candidatura. Ele fechou o apoio da Igreja da Graça e da Igreja Mundial do Poder de Deus. Ambas são comandadas, respectivamente, pelo missionário R.R. Soares e pelo apóstolo Valdemiro Santiago, desafetos históricos de Edir Macedo, tio de Crivella.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.