Atenção!

As notícias abaixo são de edições passadas.

Para ter acesso ao nosso conteúdo exclusivo, assine o RR.

Planos
03.09.19
ED. 6192

O clima do Brasil mudou na OEA

Há uma nova polêmica multilateral, que perpassa a questão do meio ambiente, em gestação no governo Bolsonaro. O ovo da serpente está depositado na OEA. O Brasil decidiu mudar sua abordagem em relação ao tema da mudança climática no âmbito da Organização dos Estados Americanos. O Itamaraty tem pregado que potenciais efeitos adversos decorrentes de alterações no clima não constituem
necessariamente uma ameaça à paz e à segurança hemisférica.

A nova orientação já vem sendo seguida pela missão diplomática brasileira na OEA. Na prática, o Itamaraty não mais considera a Comissão de Segurança Hemisférica da OEA o fórum apropriado para abordar a questão. O governo brasileiro passará a discutir o tema na ONU, sob à luz da Convenção-Quadro das Nações Unidas sobre Mudança do Clima.

A medida vai na contramão da maioria dos países integrantes da OEA. As reações mais fortes deverão vir das nações do Caribe. Extremamente afetados por fenômenos meteorológicos, os países da região levam a ferro e fogo o conceito de que alterações rigorosas no clima se configuram em um problema de segurança nacional. Elas trazem a reboque o risco de devastação territorial, desabastecimento alimentar, convulsões sociais etc.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

03.09.19
ED. 6192

Do “Botafogo” para o Botafogo

O presidente da Câmara, Rodrigo Maia, está empenhado em votar até o fim de outubro o projeto de lei nº 5.082/2016, que estabelece estímulos fiscais para a transformação de clubes de futebol em empresas. Seria o prazo necessário para que os primeiros projetos neste sentido fossem colocados em prática já no início de 2020. Parece uma lei feita sob medida para o Botafogo, do próprio Maia, que sonha com um glorioso aporte dos irmãos João e Walter Moreira Salles.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

03.09.19
ED. 6192

“Teleton da Amazônia”

Ideia que circula entre artistas brasileiros, a exemplo de Patricia Pillar, José de Abreu, Gregório Duvivier, Marcos Palmeira, entre outros: o lançamento de um crowdfunding com o objetivo de arrecadar recursos para ONGs que atuam contra o desmatamento na Região Amazônica. A vaquinha seria abrigada em uma plataforma digital e impulsionada pelo engajamento e pela fama de seus próprios idealizadores. Haveria a disseminação de vídeos nas redes sociais no estilo “corrente”: uma celebridade envia uma mensagem pública para outra, “desafiando-a” a fazer uma doação.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

03.09.19
ED. 6192

Depende do placar

Jair Bolsonaro receberá até amanhã os primeiros relatórios sobre os resultados das ações de combate às queimadas na Amazônia. Com base nos dados, decidirá se fará ou não uma visita à região nesta semana.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

03.09.19
ED. 6192

Dirceu 2

José Dirceu começou a redigir, à mão, em um caderno espiral, o volume dois de suas memórias. A obra vai atravessar desde o período do “mensalão” até os dias atuais. Fonte do RR que visitou recentemente o comandante garante: Lula será poupado; Dilma, nem tanto.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

03.09.19
ED. 6192

Um trem que não passa

Rubens Ometto, apoiador de primeira hora de Jair Bolsonaro, anda amuado. Oito meses se passaram e nada do governo autorizar a renovação da concessão da Malha Paulista, pertencente à Rumo. O pedido foi aprovado pela ANTT há um ano.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

03.09.19
ED. 6192

Quem regula as agências reguladoras?

O Palácio do Planalto identificou uma significativa e indesejável influência do ex-presidente do Senado Eunício de Oliveira na Anatel e na Agência Nacional de Mineração. Na primeira, por meio do conselheiro Vicente Aquino Neto; na segunda, pela voz do diretor geral Tomás Albuquerque Filho. Ambos têm mandato a cumprir. Mas isso não quer dizer muita coisa, tá ok… Tá ok?

Na contramão, há uma mobilização dos parlamentares para reduzir a ingerência do presidente Jair Bolsonaro sobre o novo marco regulatório das agências. O próprio Rodrigo Maia trabalha na coxia para derrubar alguns dos vetos de Bolsonaro ao projeto de lei, a começar pela proibição de que os diretores dos órgãos reguladores sejam reconduzidos para um novo mandato.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

03.09.19
ED. 6192

Câmbio do dia

O Palácio do Planalto já dá como certo um número recorde de emendas no Orçamento e de pedidos de recursos para obras em um primeiro ano de governo. É a fatura a ser paga aos parlamentares pela PEC da Previdência, a votação da indicação de Eduardo Bolsonaro para a Embaixada em Washington e a já precificada reforma tributária.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

03.09.19
ED. 6192

A plenos pulmões

Os servidores do CNPq podem até não entrar em greve, como assegura o presidente João Luiz Azevedo, mas vão fazer barulho. De atos públicos a manifestos nas redes sociais, estão organizando uma série de ações contra os cortes orçamentários e o risco iminente de suspensão dos pagamentos de bolsas de estudo. Apostam, sobretudo, na repercussão internacional dos protestos, neste momento em que a Amazônia transformou o Brasil em alvo de grandes potências internacionais.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

03.09.19
ED. 6192

Saneamento

A Datang, uma das grandes empresas de saneamento da China, está em busca de ativos no Brasil. Chegou a fazer gestões com o governo de São Paulo, mas a privatização da Sabesp não deve sair tão cedo.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

03.09.19
ED. 6192

Duelo soberano

O fundo Abu Dhabi Investment Authority (Adia) pretende comprar participações em frigoríficos brasileiros. Por trás da investida, há uma disputa geoeconômica com o Salic, fundo ligado à família real saudita e sócio da Minerva Foods. Arábia Saudita e Emirados Árabes duelam pelo abastecimento de carne bovina no Oriente Médio.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

03.09.19
ED. 6192

Conquistador

Depois de Alexandre Frota, João Doria está usando do seu poder de sedução política para conquistar Tabata Amaral para o PSDB.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

03.09.19
ED. 6192

Fermentação

Produtores de leite estão reivindicando ao governo novo aumento das alíquotas de importação de lácteos. A condução do assunto, por ora, está restrita ao Ministério da Agricultura. No início do ano, não custa lembrar, Paulo Guedes determinou o fim das sobretaxas para o leite e teve de voltar atrás após a azeda reação do setor.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

03.09.19
ED. 6192

Ponto final

Procurados, os seguintes citados não retornaram ou não comentaram o assunto: Datang e Adia.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.