Atenção!

As notícias abaixo são de edições passadas.

Para ter acesso ao nosso conteúdo exclusivo, assine o RR.

Planos
18.01.19
ED. 6036

Quantos Bolsonaros vão a Davos?

Há dúvidas sobre a ida de um, dois ou nenhum dos filhos de Jair Bolsonaro, a Davos. Por um critério de hierarquia na política, Flávio e Eduardo acompanhariam o pai. Mas Flavio está todo enrolado com as movimentações financeiras atípicas do seu ex-assessor Fabrício Queiroz. Poderia levar para à Suíça uma agenda conturbada. Eduardo é o fi lho que mais quer ir. Se comporta como o herdeiro natural da posição de liderança do clã Bolsonaro. Toda vez que pode, cola no pai. A ida de Carlos pode ser a com maior retorno prático. O caçula faz crescer a espuma de Bolsonaro nas redes sociais. Tem o poder de amplificar a importância da presença do pai em qualquer evento. Lembrai-vos que foi ele quem acompanhou o Capitão e a primeira-dama Michelle no Rolls Royce que atravessou a Esplanada dos Ministérios em direção à rampa do Planalto. É o querido do pai. Mas mesmo assim se trata de um outsider entre os filhos. O RR aposta que ou vai Eduardo ou não vai nenhum.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

18.01.19
ED. 6036

Amil abala a saúde econômica do Rio

Pelo sim, pelo não, recomenda-se que o governador do Rio, Wilson Witzel, comece a fazer suas gestões junto ao comando da Amil e da sua controladora, o grupo norte-americano UnitedHealth Group (UHG). O RR tem a informação firme de que a direção da empresa trabalha celeremente para transferi-la integralmente para São Paulo, deixando mais uma cratera lunar na área corporativa da cidade. Consultada, a UHG nega a remoção de novas áreas para a capital paulista e o encerramento definitivo das atividades da Amil no Rio. Diz, inclusive, que está concentrando todos os funcionários na cidade em um único edifício, o Vista Guanabara, na Zona Portuária. O fato é que o precedente diz o contrário. Segundo a fonte do RR, a maior entusiasta da mudança definitiva da sede é a CEO da Amil, Molly Joseph, que já despachou mais de 50% da companhia para a pauliceia.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

18.01.19
ED. 6036

Inferno astral

Em meio à recuperação judicial e à delicada situação financeira da Avianca, o empresário German Efromovich ainda tem pela frente um motim societário. O investidor salvadorenho Roberto Kriete, minoritário da companhia e desafeto de Efromovich, estaria se articulando com outros acionistas na tentativa de tomar o comando da companhia aérea.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

18.01.19
ED. 6036

Tiene que cambiar eso ahí

Jair Bolsonaro foi fiel ao seu estilo no encontro com Mauricio Macri. Durante conversa reservada, ao ouvir do presidente argentino que os governos de ambos não têm direito a errar, o Capitão emendou de primeira: “Se não, a Cristina (Kirchner) e a turma do PT podem voltar…”. Finalizou o chiste com sua tradicional e estridente gargalhada.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

18.01.19
ED. 6036

Reviravolta no Baú

Futebol nunca foi a praia de Silvio Santos. Mas se a audiência da Copa do Nordeste engrenar, a direção do SBT já cogita disputar os direitos de transmissão de torneios na América do Sul.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

18.01.19
ED. 6036

As voltas que os Bolsonaro dão

A título de lembrança: no dia 9 de maio de 2017, Eduardo Bolsonaro declarou em seu Twitter ser a favor do fim do foro privilegiado. Talvez não seja exatamente o pensamento do irmão mais velho. Ao menos neste momento. Ontem, foi justamente em cima do entendimento de que a prerrogativa de foro já se aplica ao senador eleito que a defesa de Flavio Bolsonaro conseguiu suspender as investigações sobre o “caso Queiroz”, com a decisão do ministro Luiz Fux.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

18.01.19
ED. 6036

Pouso autorizado

A próxima vinda de Maurício Macri ao Brasil poderá ser para celebrar um investimento de R$ 3 bilhões de um patrício na área de infraestrutura. A argentina Corporación América pretende montar um consórcio turbinado para disputar o leilão de concessões aeroportuárias marcado para o dia 15 de março. O alvo é o chamado Bloco Nordeste, que inclui, entre outros os aeroportos de Recife, João Pessoa e Aracaju. O grupo do empresário portenho Eduardo Eurnekian já detém as concessões dos terminais de Brasília e Natal.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

18.01.19
ED. 6036

Cruzada da “despetização” chega à Funasa

O “pente fino” da gestão Bolsonaro está chegando à Fundação Nacional de Saúde (Funasa). A ordem é fazer uma devassa no órgão, responsável pelo repasse de recursos para ações na área de saúde pública, notadamente projetos de saneamento e combate a endemias. O governo está convicto de que a maior moléstia da Funasa é a presença de um aparelho petista dentro da entidade. Quem procura sempre acha: em setembro do ano passado, por exemplo, o TCU identificou indícios de superfaturamento em contratos da estatal na área de tecnologia no valor de R$ 12 milhões.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

18.01.19
ED. 6036

Sambódromo S/A

Circula entre as escolas de samba de São Paulo a ideia de criar uma espécie de “private equity da folia” para disputar a privatização do Sambódromo local. Para isso, no entanto, serão necessários alguns desfiles ao gabinete do governador João Doria e uma mudança no modelo do negócio. A princípio, o governo paulista quer leiloar todo o complexo do Anhembi em um só pacote, incluindo os palácios de convenções e exposições.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

18.01.19
ED. 6036

Tucanos aceleram o voo

Começa a ganhar corpo entre os insurretos do PSDB paulista uma mobilização para que o partido antecipe sua convenção nacional, prevista para o fim de maio. Na prática, trata-se de um movimento para precipitar a saída de Geraldo Alckmin da presidência da sigla.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

18.01.19
ED. 6036

Compras no atacado

Fundador, CEO e chairman da Aliansce, Renato Rique está em todos os lugares. Em meio às negociações para uma fusão com a portuguesa Sonae Sierra, teria entrado também na disputa pela compra de seis shopping centers do Grupo Almeida Jr. em Santa Catarina. A operação passaria dos R$ 400 milhões. A BR Malls também está no páreo.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

18.01.19
ED. 6036

As toneladas da Cofco

Uma das maiores tradings agrícolas do mundo, a Cofco tem planos de construir uma leva de quatro centros de armazenagem e distribuição no Brasil. O investimento passaria dos R$ 400 milhões. Sinal de que os chineses preparam algo grande na produção de grãos..

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

18.01.19
ED. 6036

Óleo fervente

O vice-governador de São Paulo, Rodrigo Garcia, já se apresenta como o futuro secretário da Casa Civil da gestão de João Doria. Licenciado do cargo após denúncias de corrupção, Gilberto Kassab deve ser frito de vez.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

18.01.19
ED. 6036

Usucapião

O deputado federal Jovair Arantes vem tentando junto ao governo Bolsonaro povoar a direção da Conab. Trata-se de um antigo feudo do seu partido, o PTB, que foi “respeitado” pelos governos de Dilma Rousseff e Michel Temer.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

18.01.19
ED. 6036

Ponto final

Os seguintes citados não retornaram ou não comentaram o assunto: Corporación América, Aliansce, Almeida Jr., e Cofco.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.