Atenção!

As notícias abaixo são de edições passadas.

Para ter acesso ao nosso conteúdo exclusivo, assine o RR.

Planos
22.10.18
ED. 5978

Abstenção vira um fantasma para Haddad no Nordeste

Por uma lógica às avessas, a primazia do PT no Nordeste tornou-se motivo de preocupação na campanha de Fernando Haddad. Ao longo desta semana, o staff de Haddad vai torpedear as redes sociais com mensagens estimulando que os eleitores da região compareçam às urnas no próximo domingo. A cúpula petista está apreensiva com o risco  aumento da abstenção em áreas fulcrais para Haddad.

Estados como Bahia, Ceará, Pernambuco e Maranhão, que votam majoritariamente no PT, já definiram seus governadores em primeiro turno – justamente pela força do partido e da esquerda nessas áreas. Estatísticas mostram que há um natural esfriamento do eleitorado e um menor comparecimento às urnas quando a disputa regional é resolvida logo no primeiro escrutínio. Em média, o crescimento da abstenção chega à casa dos dois pontos percentuais.

Significa dizer que o total de ausentes apenas nessas quatro unidades da federação pode chegar a 5,5 milhões de eleitores. Nos últimos dias, segundo o RR apurou, o próprio Fernando Haddad entrou em contato com os governadores Rui Costa, da Bahia, e Camilo Santana, do Ceará, pedindo para que eles intensifiquem sua participação nos atos de campanha nesta semana. Em 2014, coincidentemente, os quatro estados mencionados também resolveram sua eleição para governador no primeiro turno. Em todos eles, sem exceção, a “gazeta eleitoral” cresceu no segundo pleito. Na Bahia, entre a primeira e a segunda votações, a abstenção subiu de 23,1% para 24,8%; no Ceará, de 20,1% para 21,7%; em Pernambuco, de 16,5% para 17,7%. O maior gap veio do Maranhão: as ausências pularam de 23,6% para 27,3% do eleitorado.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

22.10.18
ED. 5978

Gazin bomba na eleição do WhatsApp

Circula nas redes sociais um curioso vídeo do empresário Mario Gazin, dono da rede de lojas Gazin, do Paraná, pedindo votos para Jair Bolsonaro ainda no primeiro turno. Na imagem, ele aparece ao lado de Luciano Hang, um dos grandes cabos eleitorais junto ao empresariado. Até aí, zero de problema. No entanto, chama a atenção uma frase usada por Gazin para justificar por que Bolsonaro deveria ser eleito logo na primeira votação: “Para nós não termos que gastar mais dinheiro”. À luz das denúncias de que empresários teriam ajudado a disseminar mensagens contra o PT no WhatsApp, a frase tem causado um rebuliço no Twitter e no Facebook. Consultada pela RR, a Gazin confirmou que “Mario Gazin tem se posicionado em favor de Jair Bolsonaro em forma de indignação com o atual estado do país”. Sobre a declaração que tem causado controvérsia nas redes, a companhia diz que Gazin “presumiu que o prolongamento da campanha geraria um gasto genérico para o Brasil como um todo, mencionando que ‘todos gastariam menos’ se não houvesse segundo turno”.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

22.10.18
ED. 5978

Chineses no refino

A PetroChina vai investir em refino no Brasil. Segundo o RR apurou, a empresa mantém conversas com os governos de Pernambuco e do Maranhão em torno da instalação de uma refinaria em um dos dois estados. A PetroChina já está na outra ponta do balcão: comprou 30% da distribuidora de combustíveis TTWorks.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

22.10.18
ED. 5978

Primeira classe

A gestora norte-americana BlackRock vem comprando gradativamente ações da Azul. Já estaria perto dos 5%.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

22.10.18
ED. 5978

Fora do ar

A inesperada saída do todo-poderoso Luiz Eduardo Baptista da presidência da Sky no Brasil estaria ligada a desentendimentos com a controladora AT&T/Time Warner devido à suspensão do IPO da empresa. Procurada, a empresa confirmou a saída de Baptista para “se dedicar a projetos pessoais”.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

22.10.18
ED. 5978

A complexa simplicidade do fator Bolsonaro

Há dúvidas se as frentes democráticas de resistência tiveram papel determinante na queda das ditaduras. Com todo respeito ao comportamento heroico de personagens como o Dr.Ulysses Guimarães, Mário Covas e Luiz Inácio Lula da Silva, os regimes estavam caindo de podre. Há decerto uma histeria com as consequências exponencializadas do autoritarismo de Jair Bolsonaro A percepção popular sobre a probabilidade de um totalitarismo é rala.

As pessoas continuam indo à rodoviária e aos aeroportos, se defendendo na Justiça, lendo jornais e… votando. A comparação com Hitler, Átila ou Nero, ou a menção ao apoio da Ku Klux Klan soam à declaração de derrota. O tsunami no WhatsApp, sim, deve ser considerado como de alguma influência. Verdade seja dita, o fenômeno Bolsonaro vem sendo cevado não é de hoje. O capitão intuiu o drama do homem conservador normal: uma rotina desesperante de desacertos e um pavor da escalada da violência, que passou a ser considerada o motivo maior para o fechamento dos postos de trabalho, e não inverso.

Quem quiser conhecer o eleitor de Bolsonaro, pode assistir no Netflix ao filme “Dia de Fúria”. O “bolsonauta” é interpretado pelo ator Michael Douglas. De manhã até a noite nada dá certo na vida do personagem. Com base nessa demanda reprimida de autoridade Bolsonaro, sem nenhuma opinião, clareza de ideia ou projeto para as mazelas da Nação, convidou o homem comum e sem esperanças a embarcar nesta aventura do “ou vai ou racha”.

A esquerda insistiu em ofertar o que já vinha sendo dado: políticas assistencialistas, respeito às minorias, combate à fome, medidas na área social sociais, planos de emprego etc etc. Provável que o eleitor tenha considerado essas bandeiras como direitos já adquiridos. Ficou parecendo mais do mesmo. O fenômeno Bolsonaro foi ainda anabolizado pelo trágico destino do ornitorrinco formado por um grande líder popular, uma presidente esquizofrênica e um cleptocrata golpista. Em tempo: Ciro Gomes compreendeu o Zeitgeist. O PT não entendeu bulhufas.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

22.10.18
ED. 5978

Pela família e pelo Pátria

Ecorodovias, da família Rego Almeida e Pátria Investimentos, poderão entrar de braços dados no leilão da Rodovia de Integração do Sul, marcado para o próximo dia 1 de novembro.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

22.10.18
ED. 5978

O otimismo de Pezão resistirá a 2019?

Luiz Fernando Pezão chamou a atenção dos presentes ao evento de lançamento de novas linhas de produção da CSN em Volta Redonda, na última quinta-feira – entre os quais o próprio Benjamin Steinbruch. Descontraído, Pezão nem lembrava o governador de um estado sob intervenção federal e com um rombo fiscal previsto para este ano da ordem de R$ 5 bilhões. Em petit comité, ao ser perguntado por um empresário sobre o seu futuro, reafirmou que deixará a política e fez troça, dizendo que, a partir de janeiro, “estará à toa, de pernas para o ar”. Isso, claro, se a Justiça deixar…

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

22.10.18
ED. 5978

Manu militari

Major Olímpio e Joice Hasselmann, que duelam pelo comando do PSL em São Paulo, travam uma disputa pelo que já não é mais seu. Eduardo Bolsonaro, filho do Capitão, está a postos para assumir as tropas do partido no estado.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

22.10.18
ED. 5978

Assim é se lhe parece

O empresário Flavio Rocha tem se apresentado entre seus pares como futuro ministro de Jair Bolsonaro. Já deixou até o irmão Elvio Gurgel Rocha, vice-presidente do Conselho da Lojas Riachuelo, de sobreaviso para assumir seu lugar como chairman do grupo.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

22.10.18
ED. 5978

Peso pena

Alvaro Dias tomou chá de sumiço.O senador tirou uma licença médica e só retorna à cena política depois do segundo turno. Com seu 1% de votação no primeiro turno, não vai fazer muita falta nem para um lado nem para o outro.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

22.10.18
ED. 5978

Ponto final

Procuradas, as seguintes empresas não retornaram ou não comentaram o assunto: Lojas Riachuelo e PetroChina.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.