Atenção!

As notícias abaixo são de edições passadas.

Para ter acesso ao nosso conteúdo exclusivo, assine o RR.

Planos
05.09.18
ED. 5947

Cofco planta mais US$ 1 bilhão no Brasil

A chinesa Cofco – o mega conglomerado do agronegócio, que fatura mais de US$ 60 bilhões por ano – vai semear uma nova safra de investimentos no Brasil. Segundo o RR apurou, o desembolso deve passar de US$1 bilhão. A maior parte dos recursos será destinada à originação de grãos e à expansão da estrutura industrial no Brasil, incluindo aquisições. De acordo com a mesma fonte, a Cofco entrou na disputa com a Cargill para ficar com duas unidades de processamento de grãos da Granol, localizadas em Anápolis (GO) e Porto Nacional (TO). Os valores sobre a mesa giram em torno dos US$ 350 milhões. Trata-se de uma pechincha perto dos mais de US$ 3 bilhões que os chineses já investiram no Brasil.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

05.09.18
ED. 5947

Tempos modestos na Apple

O lançamento da nova linha de iPhones no Brasil, em novembro, será discreto para os padrões da Apple. O RR apurou que a companhia deverá desembolsar não mais do que metade da verba de marketing gasta na chegada do iPhone 8, no ano passado. Além disso, não há previsão da tradicional mise-en-scène promovida pela empresa, com “Applemaníacos” pernoitando na porta das lojas à espera dos novos aparelhos. Pode até parecer que não, mas isso custa dinheiro.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

05.09.18
ED. 5947

Dirceu em campanha

Amigos de José Dirceu estão se cotizando para financiar o lançamento do primeiro volume de suas memórias. Não será um evento qualquer. Revigorado, o Comandante pretende visitar todos os estados brasileiros em pouco mais de um mês. Cada sessão de autógrafos promete virar um comício.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

05.09.18
ED. 5947

Um imposto sobre commodities no colo de Ciro

O imposto sobre exportações anunciado ontem pelo governo argentino sob os auspícios do FMI tem um defensor obsessivo no Brasil. O ex-ministro Luiz Carlos Bresser Pereira, que fez campanha pela adoção da medida nos governos de Lula e de Dilma Rousseff, tem tentado convencer Ciro Gomes de que a tributação das commodities é o remédio para a “doença holandesa” que destrói a indústria, o emprego e o crescimento. Ciro tem ouvido Bresser com atenção, mas seus economistas consideram que o apoio do FMI e a pecha de argentinização jogam contra a ideia. Bresser, porém, é incansável e faz boa tabelinha com o mentor de Ciro, Roberto Mangabeira Unger. Aí é que mora o perigo. Em síntese, o risco não é nenhuma abobrinha.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

05.09.18
ED. 5947

Fragrância no ar

A espanhola Puig estaria em negociações para a compra da Jequiti, fabricante de perfumes de Silvio Santos. O grupo ibérico é dono das marcas Paco Rabanne e Carolina Herrera, além da carioquíssima Casa Granado. Estima-se que a Jequiti esteja avaliada em R$ 500 milhões. A empresa é hoje um dos grandes negócios do Homem do Baú. Só perde em receita para o SBT.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

05.09.18
ED. 5947

Jogo eleitoral

Romário, ao melhor estilo Romário, pretende organizar um jogo festivo, com a presença de antigos craques internacionais, para fechar sua campanha ao governo do Rio.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

05.09.18
ED. 5947

Dersa, Dersa, Dersa!

Os marqueteiros de Jair Bolsonaro preparam uma reação pesada à agressiva campanha de Geraldo Alckmin, que, entre outros ataques, já associou o Capitão à violência contra a mulher. O chumbo grosso virá até o fim desta semana pela agenda da corrupção.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

05.09.18
ED. 5947

Prêmio acumulado

A Caixa Econômica está refazendo de cima a baixo o modelo de privatização da Lotex. Ainda assim, essa loteria não deve correr tão cedo. No banco, a aposta é que o negócio fica para 2019.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

05.09.18
ED. 5947

O teatro do PT

O ato com artistas e intelectuais que o PT está convocando para o próximo dia 10, no Teatro Tucarena, em São Paulo, tem causado interpretações díspares dentro do próprio partido. Há especulações de que o evento marcará o lançamento oficial de Fernando Haddad como candidato à Presidência. No entanto, internamente a própria Gleisi Hoffmann tem esfriado os ânimos e desmentido essa possibilidade. Segundo ela. o encontro será uma manifestação de apoio à candidatura Lula, além servir para a gravação de imagens para o programa eleitoral do PT.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

05.09.18
ED. 5947

Lusco-fusco na hidrelétrica de Jirau

A decisão da franco-belga Engie de suspender a venda de sua participação na hidrelétrica de Jirau jogou uma ducha de água fria sobre a Eletrobras. A estatal planejava aproveitar o embalo para se desfazer de parte da sua fatia na usina (40%) em conjunto com os europeus, como forma de valorizar o dote. Recentemente, teriam ocorrido duas reuniões com executivos da Engie para tratar do assunto. Seria um dos movimentos mais agudos no plano de desmobilização de ativos da Eletrobras. Agora, o negócio fica para 2019. Como, aliás, quase tudo neste crepúsculo do governo Temer.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

05.09.18
ED. 5947

A culpa é do Lula…

O marqueteiro de Geraldo Alckmin, Lula Guimarães, está por um fio. Além das duras críticas feitas por Alckmin à estratégia de comunicação – ver RR edição de 24 de agosto –, a sucessão de erros grosseiros na produção do programa eleitoral deteriorou ainda mais a relação entre o candidato e o publicitário. Em menos de uma semana, a campanha de Alckmin já foi acusada de plagiar um vídeo britânico contra o uso de armas e deixou escapar uma bandeira do PCC em um dos filmetes exibidos na TV e nas redes sociais.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

05.09.18
ED. 5947

Manda-chuva

Na prática, o Coronel Antonio Nunes já foi rifado da presidência da CBF. Rogério Caboclo, que formalmente só assume o comando da entidade em abril de 2019, já tem conduzido os assuntos mais sensíveis da casa, como negociações com a TV, venda de amistosos da seleção brasileira e interlocução com os clubes.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

05.09.18
ED. 5947

Saúde chinesa

O fundo chinês Fosun, que administra US$ 80 bilhões, está em busca de ativos da área de saúde no Brasil. Na mira, hospitais e laboratórios de medicina diagnóstica.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

05.09.18
ED. 5947

Beijo no asfalto

O ministro da Casa Civil, Eliseu Padilha, tem acenado às operadoras rodoviárias com a publicação de uma nova MP com regras mais atrativas paraa devolução de concessões. A um mês da eleição, ninguém do setor leva fé na promessa.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

05.09.18
ED. 5947

Ultimate fighting

O comitê de campanha de João Doria prepara-se para uma saraivada de ataques ainda mais duros do governador Marcio França. Aliados do tucano têm informações de que França vai bater pesado no suposto favorecimento a empresários durante a gestão de Doria na Prefeitura de São Paulo. Com apenas 5% nas pesquisas, é o tudo ou nada do governador.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

05.09.18
ED. 5947

Ponto final

Procuradas pelo RR, as seguintes empresas não retornaram ou não comentaram o assunto: Cofco, Apple, Jequiti, Puig e Fosun.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.