Atenção!

As notícias abaixo são de edições passadas.

Para ter acesso ao nosso conteúdo exclusivo, assine o RR.

Planos
09.08.10
ED. 3981

Copel se veste de árbitro na contenda entre Previ e Celesc

Surgiu um terceiro e importante personagem no imbróglio jurídico entre Previ e Celesc, que se arrasta há mais de uma década. A Copel quer aproveitar o contencioso para entrar no capital da distribuidora catarinense e dar a partida na montagem de um colar de participações em concessionárias estaduais. O presidente da estatal, Ronald Ravedutti, vem mantendo conversações cruzadas com o governo de Santa Catarina e a diretoria da Previ. A Copel já teria apresentado uma proposta pela parte do fundo de pensão na Celesc, equivalente a 33% das ONs e a 15% do capital total. Além da compra das ações, compromete-se a participar de um aumento de capital na distribuidora catarinense com o objetivo de assegurar a execução do plano de investimentos, orçado em R$ 1,3 bilhão para os próximos três anos. As tratativas com o governo de Santa Catarina envolvem ainda a formação de um consórcio entre as duas estatais para a construção de linhas de transmissão e duas hidrelétricas de médio porte na Região Sul. Procurada pelo RR – Negócios & Finanças, a Copel negou estar em negociações com a Previ. A fundação, por sua vez, não se pronunciou até o fechamento desta edição. A entrada da Copel no capital da Celesc ainda depende da costura de várias pontas. Para começar, a Previ e o governo de Santa Catarina terão de encerrar a disputa que perdura desde a década de 90. O Estado entende que a participação societária da fundação, resultado da conversão de uma dívida em ações, é indevida. No início do ano, a Justiça chegou a decretar o cancelamento da operação, mas o fundo de pensão conseguiu suspender a decisão. A Previ alega que tem mais de R$ 1 bilhão a receber do governo catarinense. De acordo com informações apuradas pelo RR ? Negócios & Finanças, a proposta da Copel pela participação da Previ é bem inferior ao suposto valor da dívida. Tomando-se como base a atual cotação da Celesc em Bolsa, a participação do fundo está avaliada em menos de R$ 300 milhões. Nem tanto ao céu nem tanto a  terra. A fundação e a Copel negociam uma conta de chegada que permita a transferência das ações. O governo de Santa Catarina, por sua vez, teria de se comprometer a reconhecer a participação do fundo de pensão e encerrar o contencioso, abrindo caminho para a chegada da Copel. Além da questão jurídica, a operação passa também por um acordo político. O governador de Santa Catarina, Leonel Pavan, terá de buscar o apoio da Assembleia Legislativa a  associação entre a Copel e a Celesc. A parte mais intrincada diz respeito ao futuro aumento de capital da distribuidora. Qualquer operação que coloque em risco a supremacia societária do governo costuma criar celeuma no estado.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

09.08.10
ED. 3981

Palocci 1

Antonio Palocci não é, sabidamente, de contar vantagem. Mas aposta alto suas fichas no desempenho do PT nas urnas. Diz e assina embaixo que o partido vai fazer mais de 130 deputados federais.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

09.08.10
ED. 3981

Palocci 2

Potencial candidato a ministro da Casa Civil no eventual governo Dilma Rousseff, Antônio Palocci recuou em sua previsão de que a candidata vence no primeiro turno com uma diferença de 15 pontos percentuais sobre José Serra. Agora, acha que a distância chega aos 20 pontos percentuais.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

09.08.10
ED. 3981

Brasil é a nova suíte do Grupo Espírito Santo

O Grupo Espírito Santo vai hospedar mais alguns milhões de dólares no Brasil. O Tivoli, que reúne os ativos do conglomerado português no setor hoteleiro, deu a partida na construção de um condomínio de luxo na região de Mata de São João (BA). O empreendimento ficará em um terreno contíguo ao Tivoli Ecoresort, administrado pelo grupo. Seu Valor Geral de Vendas (VGV) poderá alcançar R$ 80 milhões. Paralelamente, o Tivoli iniciou os estudos para a construção de mais um resort no Nordeste ? Pernambuco e Ceará estão no páreo. O aporte total nos dois projetos deverá chegar a R$ 100 milhões ao longo dos próximos dois anos. Este valor é o dobro do valor investido pelo Tivoli em 2009. O aumento dos recursos está vinculado ao novo plano estratégico da empresa, que privilegia a internacionalização da marca. Por conta da Copa de 2014 e da Olimpíada de 2016, o Brasil receberá a maior parte dos investimentos. Após se consolidar no litoral nordestino, o grupo pretende construir também um resort na Região Sudeste.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

09.08.10
ED. 3981

NA

A Procter & Gamble decidiu bater de frente com a Natura e a Avon. Está trazendo para o país a sua linha de cremes Olay. Vai montar uma equipe de vendas diretas.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

09.08.10
ED. 3981

Caixa Econômica

Concluída a oferta de ações do BB, o governo estuda agora um novo aumento de capital na Caixa Econômica Federal. O reforço do Tesouro teria como principal objetivo garantir os aportes previstos no setor imobiliário e na área de infraestrutura.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

09.08.10
ED. 3981

Capitólio

O Washington State Investment, fundo de pensão dos funcionários públicos da capital americana, vai investir no Brasil de mãos dadas com o Advent International.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

09.08.10
ED. 3981

Casa dos Gerdau

A família Gerdau está montando uma empresa na área imobiliária. Acha que esse é o caminho natural para a diversificação de seus negócios.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

09.08.10
ED. 3981

JBS Friboi

A insaciável JBS Friboi negocia a compra de duas unidades de abate da Quatro Marcos em Mato Grosso. A operação faz parte do esforço do frigorífico mato-grossense para arrecadar recursos e quitar suas dívidas.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.