21.02.19
ED. 6060

Caso nebuloso

Segundo o RR apurou, a Procuradoria Geral da República vai recorrer da decisão do STJ, que rejeitou o pedido de federalização das investigações do caso conhecido como Chacina do Cabula, na Bahia. Trata-se de uma operação conduzida por nove PMs em 2016, que acabou com 12 pessoas mortas e seis gravemente feridas. A PGR contesta não apenas o julgamento em primeira instância, mas a rapidez com que a II Vara do Júri da Bahia absolveu os acusados, aceitando a alegação dos advogados de que houve confronto com os suspeitos, e os policiais agiram em legítima defesa. Em tempo: recentemente, a própria PGR tentou, sem sucesso, levar para o âmbito federal a investigação de outro caso emblemático: o assassinato da vereadora Marielle Franco e de seu motorista, Anderson Gomes.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.