10.08.17
ED. 5680

Banco imobiliário

Em recuperação judicial, a PDG tenta arrancar de seus dois maiores credores, Banco do Brasil e Caixa Econômica, uma dose extra de financiamento para acelerar obras em curso. Por ora,só tem ouvido “não”.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.