fbpx

Atenção!

As notícias abaixo são de edições passadas.

Para ter acesso ao nosso conteúdo exclusivo, assine o RR.

planos
assuntos

Zurich Airport

29.03.19

Saída de emergência

O governo tem se empenhado para viabilizar uma solução de mercado para Viracopos, leia-se a transferência da concessão à Zurich Airport. Mas, diante das nuvens cinzentas sobre a operação, já discute o Plano B: a relicitação do terminal em um leilão à parte, que se daria antes da próxima leva de privatizações do setor, prevista para agosto de 2020.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

22.03.19

Mercado futuro

Grupos do setor aeroportuário – como CCR, Zurich Airport e Vinci – estão pleiteando ao governo um prazo maior para apresentar os projetos técnicos relativos à próxima leva de leilões. O período de 30 dias foi considerado apertado demais. Até porque a licitação só deverá ocorrer em setembro de 2020. Parece coisa de quem quer anunciar logo uma estelar lista de candidatos.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

20.03.19

Pouso por aparelhos

A prioridade do governo é garantir uma solução de mercado para Viracopos, leia-se a transferência da concessão para a suíça Zurich Airport, que apresentou sua proposta aos atuais controladores. A ordem na Anac é esperar pelo desfecho da assembleia de credores de 16 maio antes de se pensar em cassação da licença. Em recuperação judicial, a empresa tem quase R$ 3 bilhões em dívidas.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

05.02.19

Pouso marcado

O RR apurou que a Zurich Airport pretende anunciar a compra da concessão do aeroporto de Viracopos na primeira semana de março. Teria, portanto, cerca de dois meses na cabine de comando até a realização da assembleia de credores da Aeroportos Brasil Viracopos (ABV), remarcada pela Justiça para 16 de maio. Em recuperação judicial, a ABV tem um passivo de R$ 3 bilhões.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

17.08.18

Zurich Airport joga duro com o governo

A Zurich Airport aumentou a pressão da cabine nas negociações para assumir a concessão do Aeroporto de Viracopos, no lugar da Triunfo Participações e da UTC Engenharia. Nas tratativas mantidas com a Anac e o Ministério dos Transportes, o grupo tem condicionado o negócio ao recuo do governo em sua disposição de reabrir o terminal da Pampulha para voos comerciais. Na ótica dos suíços, o “favor” está muito bem pago. Do seu lado, a Zurich resolve um enorme problema para o governo ao tomar o manche de Viracopos e evitar a devolução da concessão pelos atuais acionistas, o que exigiria uma nova e desgastante licitação. Por sua vez, o meia volta volver em relação à reabertura da Pampulha evitaria um prejuízo para o Aeroporto de Confins, do qual o grupo suíço é sócio.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

03.08.18

Turbulência

A Zurich Airport caiu como um jumbo sobre os credores de Viracopos, a começar pelo BNDES. Faz pressão por um corte de mais de 80% no passivo da concessionária Aeroportos Brasil, de R$ 3 bilhões. Caso contrário, desiste de assumir a companhia, já em recuperação judicial.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.