fbpx

Atenção!

As notícias abaixo são de edições passadas.

Para ter acesso ao nosso conteúdo exclusivo, assine o RR.

planos
17.12.19

Educação

Martelo batido 1: a Uniasselvi vai fazer seu IPO em Nova York.

Martelo batido 2: Carlyle e Vinci Partners vão usar a operação para vender integralmente suas participações na rede de ensino.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

25.10.19

Uniasselvi na mira

A Ser Educacional, de Janguiê Diniz, que cravar uma aquisição antes do ano letivo terminar. Após perder a disputa pelo Ibmec para a Yduqs, volta suas baterias na direção da Uniasselvi, controlada por Carlyle e Vinci Partners.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

15.08.19

Uniasselvi à venda

A gestora norte-americana Apollo Management estaria em negociações para a compra da Uniasselvi, controlada pelo Carlyle e pela Vinci Partners. A rede de universidades estaria avaliada em aproximadamente R$ 1,6 bilhão.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

29.05.19

Nota alta

A gestora norte-americana CVC Partners, que administra mais de US$ 80 bilhões, estaria em negociações para a compra da Uniasselvi. A rede de ensino, que fatura cerca de R$ 350 milhões por ano, pertence ao trio Carlyle, Vinci Partners e Neuberger Berman. A CVC quer porque quer entrar no mercado brasileiro de educação: recentemente sondou também a Ser Educacional, do empresário Janguiê Diniz.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

28.12.18

Educação e energia

A gestora norte-americana Neuberger Berman, que aportou R$ 375 milhões na Uniasselvi, prepara investimentos de alta voltagem em energia no Brasil.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

09.08.18

Educação integrada

O fundo norte-americano Neuberger Berman, que comprou 25% da rede de universidades Uniasselvi, vai partir também para aquisições no segmento de ensino fundamental.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

27.03.18

Direções opostas

Os acionistas da Uniasselvi remam em direções opostas. A Vinci defende o IPO da empresa de ensino; já o Carlyle, que acaba de suspender a oferta da Ri Happy por falta de demanda, quer vender o controle e pular fora do barco

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

26.12.17

Nota baixa

Após frustradas tratativas com Laureate e Ser Educacional, Carlyle e Vinci teriam oferecido a Uniasselvi à Anima Educação. Consultada, a Anima diz “não confirmar a informação”. Carlyle e Advent não quiseram comentar.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

20.11.17

Impasse na venda da Uniasselvi

O impasse em torno de uma dívida de aproximadamente R$ 400 milhões com a Kroton tem adiado a venda da Uniasselvi. O fundo de private equity norte-americano CVC já teria apresentado uma oferta para ficar com as participações do Carlyle e da Vinci Partners na rede de ensino, mas há arestas em relação à assunção do passivo e ao tempo de quitação. A fatura é uma herança da venda da Uniasselvi para o Carlyle e a Vinci. À época, a própria Kroton, então controladora da empresa, financiou parte da negociação.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

Além da Uniasselvi, a GP Investimentos ronda o Grupo Objetivo, uma das maiores redes de ensino de São Paulo, pertencente a João Carlos Di Gênio.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.