Atenção!

As notícias abaixo são de edições passadas.

Para ter acesso ao nosso conteúdo exclusivo, assine o RR.

planos
13.03.19
ED. 6071

Toyota na contramão

A Toyota vai investir cerca de R$ 1 bilhão na sua fábrica de Sorocaba (SP). Segundo o RR apurou, os japoneses vão produzir um SUV na unidade. Não deixa de ser um alento para a indústria automobilística em São Paulo. A Ford acaba de anunciar o fechamento da fábrica de São Bernardo do Campo.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

28.07.16
ED. 5421

Motor desligado

 A Toyota empurrou para 2017 a decisão sobre produzir o modelo Corolla na fábrica de Sorocaba. E olha que o investimento em questão era uma mixaria para os padrões do setor: algo em torno de R$ 30 milhões. Consultada, a Toyota confirma que o projeto “foi adiado”. Para as atuais condições do mercado, a produção do Corolla na fábrica de Indaiatuba, também em São Paulo, dá e sobra. E como sobra…

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

27.04.16
ED. 5356

Passaporte

A Coamo, maior cooperativa agropecuária da América Latina, com receita de R$ 11 bilhões, começa a dar forma a seu plano de internacionalização. Está criando uma trading para atuar no exterior. A japonesa Toyota Tsusho Corporation deverá se associar ao projeto.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

12.11.15
ED. 5246

Toyota expande seus domínios no agronegócio brasileiro

  Não por acaso, o agronegócio será um dos temas fulcrais da visita que a presidente Dilma Rousseff fará ao primeiro-ministro do Japão, Shinzo Abe, na primeira semana de dezembro. Com uma produção agrícola local incapaz de atender à demanda interna, as grandes tradings japonesas têm investido cada vez mais no Brasil em busca do grão de cada dia. Que o diga a Toyota, certamente um nome que estará sobre a mesa de negociações durante a passagem de Dilma Rousseff por Tóquio. Um ano após pagar US$ 900 milhões pela NovaAgri, a Toyota Tsusho Corporation, divisão agrícola do grupo, semeia mais uma aquisição no Brasil: o nome da vez é a Cantagalo General Grains (CGG), controlada por Josué Gomes da Silva e demais herdeiros de José de Alencar. A negociação envolve a compra não apenas dos 48,5% pertencentes aos acionistas da Coteminas, mas também dos 46% compartilhados entre outros três investidores, o fundo americano Valor Grais e as brasileiras Agrícola Estreito e GFN Agrícola. Dos sócios atuais, permaneceria apenas a também nipônica Sojitz.  O que está por trás da investida é o firme propósito da Toyota de montar uma grande operação verticalizada no Brasil, aproveitando-se dos incentivos que virão dos bancos de fomento do Japão. Segundo uma fonte familiarizada com os números e movimentos do grupo no país, os japoneses estão dispostos a investir mais de US$ 1,5 bilhão em um projeto integrado que combina propriedade de terras, produção e distribuição de grãos e logística portuária. Caso a compra da Cantagalo seja sacramentada, a Toyota adicionará mais 150 mil hectares à sua base de produção no país, em sua maioria áreas utilizadas no plantio de soja, milho e algodão. Herdará também a CGG Trading, subsidiária da empresa que movimenta mais de US$ 1,2 bilhão por ano em contratos de exportação de grãos – a Sojitz responde por mais de um terço dessas operações, o que justifica a sua permanência no negócio. Além disso, os japoneses reforçarão sua posição societária no consórcio que controla o Terminal de Grãos do Maranhão (Tegram), no Porto de Itaqui, onde desembarcaram no ano passado com a compra da NovaAgri. As seguintes empresas não retornaram ou não comentaram o assunto: Cantagalo e NovaAgri.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

23.10.15
ED. 5233

Airbag furado

 A Takata corre risco de perder um grande cliente, a Toyota, devido a problemas com airbags, inclusive com necessidade de recalls em diversos modelos de veículos. A Takata, incluída em processo no Cade por suspeita de cartel, nega a saída da Toyota.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

26.08.15
ED. 5193

Extraterrestres

 Os japoneses da Toyota já fazem por merecer uma condecoração. Na contramão do setor, contrataram 180 operários para a nova fábrica de motores de Porto Feliz e estão abrindo cerca de 300 vagas em Sorocaba, também em São Paulo – números confirmados pela própria empresa. Não deve parar por aí. Segundo o RR apurou, mais 500 contratações poderão ser feitas até o fim do ano.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

29.05.15
ED. 5131

Bilhete só de ida

A cearense Newland, uma das grandes revendas da Toyota no Brasil, estaria em busca de um comprador. Oficialmente, o grupo nega. No entanto, segundo o RR apurou, a informação teria chegado ao conhecimento da própria Toyota. A empresa teme até que a eventual operação estimule uma debandada de revendedores.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.