fbpx

Atenção!

As notícias abaixo são de edições passadas.

Para ter acesso ao nosso conteúdo exclusivo, assine o RR.

planos
27.03.20

O mel e o fel nas relações Brasil-China

Além de Eduardo Bolsonaro, há outro inusitado ferrão nas relações entre Brasil e China. Produtores nacionais de mel têm reivindicado à ministra da Agricultura, Teresa Cristina, rigor do governo no combate ao contrabando proveniente do país asiático. Guardadas as devidas proporções, a China está para o néctar; como o Paraguai para o cigarro. O produto clandestino chinês invadiu o país e já domina mais de 20% do mercado brasileiro.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

06.03.20

Departamento de estado

O Marfrig trabalha junto ao governo norte-americano para habilitar mais quatro frigoríficos a exportar carne bovina in natura para os Estados Unidos. Conta para isso com o apoio da própria ministra da Agricultura, Teresa Cristina. Há cerca de duas semanas as autoridades dos EUA deram o imprimatur para três plantas da empresa de Marcos Molina.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

27.12.19

Menina super poderosa

Após emplacar Geraldo de Melo Filho no comando do Incra, a ministra Teresa Cristina deu mais uma prova do seu poder. Sua voz foi decisiva para a efetivação de Celso Moretti na presidência da Embrapa. Desta vez Teresa “derrotou” o próprio Jair Bolsonaro. Inicialmente, o nome preferido do Palácio do Planalto era o de Evaristo de Miranda, chefe da Embrapa Territorial.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

06.11.19

“Bancada da Vale” tenta implodir novo tributo do minério

A PEC 42/2019, que revoga a velha Lei Kandir, parece condenada à morte antes mesmo de ser votada. Depois dos ruralistas conseguirem excluir o agronegócio do texto final,  com a participação decisiva da própria ministra Teresa Cristina, agora é a “bancada da Vale” que lidera um pesado lobby contra o projeto. O objetivo é tirar também o setor de mineração da alça de mira da nova PEC, garantindo, assim, a continuidade da isenção do ICMS para as exportações de minério de ferro. A Proposta de Emenda Constitucional, de autoria do senador Vital do Rego (PSB-PB) estabelece uma alíquota de 9% na venda ao exterior de produtos não-industrializados e semielaborados. Se a pressão dos parlamentares vingar – o que é mais provável –, ainda que siga adiante, a PEC vai virar uma “PECzinha”. Os dois setores responsáveis por mais de 60% das exportações brasileiras estariam fora da principal mudança proposta no projeto. Criada há menos de quatro meses, a Frente Parlamentar da Mineração, que logo ganhou dentro do próprio Congresso a alcunha de “Bancada da Vale”, tem a sua primeira grande missão. À frente estão os deputados Ricardo Izar (PP-SP) e os mineiros Domingos Sávio e Rodrigo de Castro, ambos do PSDB.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

16.10.19

“Apple do solo”

A ministra Teresa Cristina encomendou estudos para a venda no exterior do Smart Solos. Trata-se de um aplicativo criado pela Embrapa que transmite informações sobre o solo, a partir de imagens de satélites, mapeamento mineral e outras variáveis.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

08.07.19

Diplomacia no agribusiness

Uma das primeiras consequências do affair diplomático entre Jair Bolsonaro e o príncipe Mohammad bin Salman, durante o G-20, no Japão deverá ser uma visita da ministra da Agricultura, Teresa Cristina, à Arábia Saudita. No início deste ano, os sauditas chegaram a suspender importações de carne de frango brasileira, gesto que foi interpretado na Agricultura como uma represália à possível mudança da embaixada brasileira em Israel.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

30.05.19

Itamaraty do B

A ministra da Agricultura, Teresa Cristina, deverá fazer uma viagem a países árabes no início do segundo semestre. No roteiro, Arábia Saudita e Emirados Árabes. Não bastasse o fato de que essas nações figuram entre os grandes importadores de carne brasileira, a visita tem um significado diplomático maior. A possível transferência da Embaixada brasileira em Israel para Jerusalém tem gerado turbulências nas relações com países árabes.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

25.04.19

Cardápio completo

Além de ampliar o mercado para a carne bovina e suína brasileiras, a ministra da Agricultura, Teresa Cristina, terá outra missão ainda mais complexa na sua visita a Pequim, em maio: discutir com o governo chinês um relaxamento das tarifas antidumping para as importações de frango. As sobretaxas para o produto brasileiro chegam a 32%

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.