fbpx

Atenção!

As notícias abaixo são de edições passadas.

Para ter acesso ao nosso conteúdo exclusivo, assine o RR.

planos
assuntos

Saudi Aramco

Relacionados

24.01.20

O clima de tensão no Oriente Médio e a volatilidade do preço internacional do petróleo

Observatório

Por Leda Stein, economista e trader de petróleo, combustíveis e derivados.

É de amplo conhecimento os recentes acontecimentos no Oriente Médio e o clima de tensão que se criou nas últimas semanas. Crises de preços do petróleo derivam da escalada de situações como as que vêm ocorrendo.

Em setembro de 2019, uma refinaria da Saudi Aramco, em Abqaiq, Arábia Saudita, sofreu um forte ataque com drones, gerando vários incêndios e obrigando a maior petroleira do mundo a cortar sua produção pela metade. Após o ataque realizado pelo grupo houthi do Iêmen, alinhado ao Irã; Donald Trump rapidamente afirmou ao príncipe saudita, Mohammed bin Salman, que os EUA estavam prontos para cooperar com a segurança do reino. Esse episódio provocou uma alta de 13,2% no preço do brent, em um único dia.

Nos primeiros dias de 2020, por ordem de Trump os EUA bombardearam, em Badgá, Iraque, o veículo em que viajava o general Qassem Soleimani, grande líder popular iraniano. Soleimani era comandante das Forças Quds, unidade de elite da Guarda Revolucionária do Irã, desde os anos 1990, e era responsável pela coordenação das forças aliadas do Irã na Síria e no Iraque. O general, além de ser uma figura ideológica importante, estava no comando da política externa do país. O assassinato transformou Soleimani em mártir e gerou diversas manifestações populares na capital Teerã. O próprio líder supremo do Irã, aiatolá Ali Khamenei, prometeu uma vingança implacável; após o assassinato do comandante. Esse episódio provocou uma alta de 10,4% no preço do brent, em dois dias.

O clima de tensão no Oriente Médio se manteve durante uma semana, com lançamentos sucessivos de mísseis balísticos às bases americanas no Iraque. Os seguidos ataques tiveram como consequência o abatimento acidental de um avião ucraniano, resultando na morte de 176 civis que estavam a bordo. Aos poucos o clima de ameaça militar arrefeceu, mas Trump não perdeu a oportunidade de anunciar que buscaria ampliar as sanções econômicas ao Irã até que eles mudassem seu comportamento, seja lá o que isso quer dizer.

Por enquanto, o preço do brent apresenta alta volatilidade em eventos aleatórios, mas ainda é difícil afirmar se ficaremos nesse morde-assopra ou se a cotação da commodity subirá para um novo patamar como ocorreu em momentos de crise no passado. Vamos aguardar os próximos capítulos dessa história e acompanhar com cuidado o movimento dos preços.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.