fbpx

Atenção!

As notícias abaixo são de edições passadas.

Para ter acesso ao nosso conteúdo exclusivo, assine o RR.

planos
12.01.22

A volta dos que não foram

Demitido do comando do Banco do Nordeste, Romildo Rolim deverá ganhar novo ninho no governo Bolsonaro, ou na Sudene ou na Codevasf. Quem mais trabalha pelo seu nome junto ao Palácio do Planalto é o deputado Wellington Roberto (PL-PB). Curiosamente do mesmo partido de Valdemar da Costa Neto, o verdugo de Rolim no Banco do Nordeste.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

04.10.21

O Nordeste tem dono

Após a demissão de Romildo Rolim da presidência do Banco do Nordeste, quem está na corda bamba é o superintendente-geral da Sudene, Evaldo Cavalcanti da Cruz Neto. Com o Centrão sequioso por cargos, não faz mais sentido o Palácio do Planalto manter no posto um nome historicamente ligado ao PSDB, como é o caso de Cavalcanti.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.