fbpx

Atenção!

As notícias abaixo são de edições passadas.

Para ter acesso ao nosso conteúdo exclusivo, assine o RR.

planos
10.01.22

Pelas costas de Ciro

Washington Quaquá, vice-presidente nacional do PT e principal articulador político do partido no Rio de Janeiro, está empurrando a sigla na direção de Rodrigo Neves, candidato do PDT ao governo do estado. Nesse caso, o palanque do partido seria de Lula. Ou seja: os próprios pedetistas do Rio já consideram Ciro Gomes carta fora do barulho.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

28.12.21

Deslizando na direção de Lula

A candidatura Ciro Gomes começa a craquelar por dentro. Carlos Lupi, presidente do PDT, não está conseguindo controlar a diáspora nem em seu próprio território, o Rio de Janeiro. O candidato do partido ao governo do estado, Rodrigo Neves, tem feito movimentos de aproximação com Lula.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

18.04.19

O dia D de Rodrigo Neves

O RR apurou que o TJ-RJ vai marcar para o dia 14 de maio o julgamento do prefeito de Niterói, Rodrigo Neves, acusado de envolvimento em um suposto esquema de corrupção no setor de transporte no município. Segundo a denúncia, o prefeito amealhou cerca de R$ 10 milhões em propinas. Neves foi solto em março, após cumprir prisão preventiva por três meses.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

16.06.17

A brisa que sopra do outro lado da Baía

Contavam-se nos dedos as mesas ocupadas, na última terça-feira à noite, no restaurante Alloro, requintado estabelecimento gastronômico do Rio, localizado no térreo do Hotel Windsor Atlântica. No mesmo prédio, em outros idos, jorraram do alto cascatas de fogos iluminando o réveillon da cidade. Eram 20h10, um horário em que casas daquele gabarito começam a acender os fornos na cozinha.

Chamava a atenção na meia luz do ambiente o beija-mão que os raros presentes concediam a um casal jantando discretamente em uma mesa próxima à janela. As mesuras eram feitas em voz baixa. Evitavam declamar em bom som o nome do prefeito de Niterói, Rodrigo Neves. A palavra de ordem podia ser entreouvida: “Nosso governador”. Alguns até iam mais fundo: “Se o Eduardo Paes vier candidato, vai ser uma lavada”.

Neves é filiado ao Partido Verde e substituiu o ex-prefeito Jorge Roberto Silveira como latifundiário da política no município fluminense. Entre um gole e outro na taça trans-lúcida, fazia um ligeiro aceno de mão. Ali no Alloro, de repente, não mais que de repente, a reputada culinária do norte da Itália tornou-se um detalhe.

A trufa do dia era o político jovial que todos pareciam saborear. A julgar pela adulação, um senhor candidato ao governo do mais desmilinguido estado do país. Em tempo: o último prefeito de Niterói que atravessou a Baía e assumiu o Palácio Guanabara foi Moreira Franco.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.