fbpx

Atenção!

As notícias abaixo são de edições passadas.

Para ter acesso ao nosso conteúdo exclusivo, assine o RR.

planos
01.09.21

Uma no cravo…

Renan Calheiros, relator da CPI da Covid, pretende convocar Fredrick Wassef, advogado da família Bolsonaro. A Comissão apura possíveis ligações entre Wassef e a Precisa Medicamentos, investigada por supostas fraudes na venda da vacina Covaxin. Até agora, no entanto, o placar está Wassef 1 x 0 CPI. O STF suspendeu a quebra de sigilo fiscal do advogado que havia sido determinada pela Comissão Parlamentar.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

12.08.21

Do limão a limonada

Além da Polícia Legislativa, que já está no caso, o senador Otto Alencar foi aconselhado por Renan Calheiros a contratar uma empresa privada de segurança cibernética para investigar a clonagem do seu celular. Alencar, como se sabe, é um dos integrantes da CPI da Covid mais combativos contra o governo.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

06.07.21

Em busca de um novo padrinho

Alexandre Barreto, que deixou a presidência do Cade na semana passada, não quer largar o osso. Não apenas aceita descer alguns degraus na hierarquia de poder do órgão como está recorrendo a outros padrinhos no MDB na tentativa de assumir a superintendência geral do Conselho. Seu maior trunfo, Renan Calheiros, não poderá lhe ajudar muito dessa vez: o senador é persona non grata no Palácio do Planalto.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

02.07.21

Arthur Lira vs. Renan Calheiros

A concessão de saneamento de Alagoas virou pano de fundo para a disputa política entre Arthur Lira e a família Calheiros. Lira é apontado como artífice das ações movidas pelas Prefeituras de Maceió e Rio Largo contra o governo do estado, nas mãos de Renan Filho. Os dois municípios cobram uma participação na receita arrecadada por Alagoas com a privatização da Casal. O imbróglio jurídico coloca dúvidas sobre o leilão vencido pela BRK Ambiental e, consequentemente, enfraquece o governo de Renan Filho.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

09.06.21

Dono do pedaço

Renan Calheiros olha lá para a frente: já fala com aliados que será candidato à presidência do Senado em fevereiro de 2023. E diz mais: se Lula estiver no Palácio do Planalto, não precisa nem disputar eleição…

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

02.06.21

O ex e o atual

Renan Calheiros conversou ontem reservadamente com outros integrantes da CPI sobre a possibilidade de uma acareação entre o ex e o atual ministro da Saúde, respectivamente Eduardo Pazuello e Marcelo Queiroga. Os senadores identificaram vários pontos no depoimento de um e de outro que não batem.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

19.05.21

Munição no coldre

Renan Calheiros armou-se até os dentes para o depoimento de Eduardo Pazuello na CPI da Covid, marcado para hoje. Segundo um interlocutor de Renan, fonte do RR, só nos últimos três dias ele devorou mais de 300 reportagens do período em que Pazuello esteve à frente do Ministério da Saúde.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

10.05.21

Contra-ataque

Renan Calheiros pretende enviar, em breve, à Polícia Federal e ao STF um dossiê com os ataques e as fake news de que tem sido alvo nas redes sociais. O volume das postagens foi multiplicado em muitas vezes desde que ele assumiu a relatoria da CPI da Covid. Renan quer jogar o relatório nos braços da Comissão, mesmo antes da conclusão das autoridades.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

23.04.21

Aula magna

Os senadores Omar Aziz e Renan Calheiros cogitam convidar Luiz Fux para uma das primeiras sessões da CPI da Pandemia. Caberia a ele falar sobre a responsabilidade legal da União, estados e municípios no combate à Covid-19. Tudo com um forte componente político: foi Fux que decidiu pela abertura da CPI.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

18.01.21

Em causa própria

O senador Renan Calheiros entrou pesado na campanha de Baleia Rossi à presidência da Câmara. Mais do que um apoio ao colega de MDB, trata-se de uma autodefesa. O comando da Câmara vai aumentar consideravelmente o poder de Lira em seu reduto, Alagoas, onde Renan dá as cartas há décadas. Com o fim do mandato do rebento, Renan Filho, em 2022, o senador começa a jogar desde já para manter o comando do governo alagoano.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.