Atenção!

As notícias abaixo são de edições passadas.

Para ter acesso ao nosso conteúdo exclusivo, assine o RR.

planos
11.09.19

Reciprocidade

Em conversa ao pé de ouvido no 7 de setembro, Edir Macedo convidou o presidente Jair Bolsonaro para participar do “dia cívico” da Rede Record: 27 de setembro, quando a emissora completa 66 anos. Pelo andar da carruagem, Bolsonaro deve retribuir a visita.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

29.05.19

Fuxicos da Candinha

Ainda que indiretamente, o duelo entre Globo e Record teve um round fora das telas. A emissora de Edir Macedo terá de pagar uma indenização de R$ 50 mil à apresentadora Fernanda Lima, da Globo. Em seu blog, hospedado no R7, portal da Record, a jornalista Fabíola Reipert fez insinuações quanto à fidelidade de Rodrigo Hilbert, marido de Fernanda.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

24.04.18

O gordo e o magro

A repercussão, notadamente nas redes sociais, da entrevista de Jô Soares a Fabio Porchat na semana passada atiçou a direção da Record. Nos corredores da emissora, fala-se em aproveitar a química entre os humoristas da nova e da velha geração em um novo projeto. O contrato de Jô com a Globo acabou recentemente.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

12.04.18

Em todas as telas

Empolgado com o sucesso de sua cinebiografia, Edir Macedo planeja transformar sua vida em um seriado na Rede Record.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

26.04.17

Conquistando a telinha

Depois de conquistar Silvio Santos e o SBT, que passou a veicular anúncios favoráveis à reforma da Previdência, Michel Temer vai agora atrás do apoio da Record e da Band ao projeto.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

13.04.17

SBT, Record e Rede TV cabem cada vez mais numa só tela

O mais novo reality show da TV brasileira exibe os esforços de três emissoras para ganhar fôlego e algum poder de resistência diante não apenas de sua maior concorrente, mas também de outras mídias. SBT, Record e RedeTV pretendem dar um escopo mais amplo à Simba Content, joint venture criada para negociar a venda de seus respectivos conteúdos entre as operadoras de TV paga. As tratativas passam pelo compartilhamento de infraestrutura (estúdios e equipamentos) e produções conjuntas (tanto para TV aberta quanto fechada).

Outra medida cogitada é uma parceria na venda de publicidade, notadamente para o conteúdo produzido de forma associada. SBT, Record e RedeTV enxergam esse comensalismo como uma forma de reduzir a abissal distância para a Globo e, ao mesmo tempo, frear a perda de receita para novos meios, como TVs a cabo, redes sociais, serviços de streaming etc. Ainda que este nível de compartilhamento mais avançado provoque, como efeito colateral, alguma perda de individualidade e autonomia nas decisões e estratégias.

No ano passado, o trio faturou aproximadamente R$ 3,2 bilhões. A Globo, por sua vez, teve uma receita cinco vezes superior à soma das concorrentes: R$ 15 bilhões. Se bem que, a esta altura, talvez a emissora dos Marinho seja o menor dos problemas. No ano passado, a Netflix faturou cerca de R$ 1,3 bilhão, 30% a mais, por exemplo, do que o SBT. Consultada, a Simba informou que sua prioridade “é negociar com as operadoras para que elas remunerem a joint venture, assim como já fazem com outras emissoras nacionais e estrangeiras.” Posteriormente, a companhia vai definir como investir a receita em conteúdo. Segundo a Simba, o percentual será superior aos 20% do faturamento fixados pelo Cade.

Silvio Santos, Edir Macedo e a dupla Marcelo de Carvalho e Amilcare Dallevo têm mantido conversas quase semanais desde o início de março, quando o “homem do Baú” retornou de sua temporada de férias na Flórida. Na paralela, ocorrem também reuniões entre os executivos das emissoras e o ex-BTG Marco Gonçalves, que assumiu o comando da Simba Content. A ideia é que todas as operações em parceria fi quem penduradas na joint venture. Neste momento, SBT, Record e Rede TV estão no meio de uma batalha com as operadoras de TV por assinatura. A Vivo já concordou em pagar pelo conteúdo. As negociações com Net, Claro, Embratel e Oi prosseguem. Segundo a Simba, a Sky foi a única que, até agora, não aceitou negociar.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

29.03.17

A nova youtuber

Em baixa na Record, Xuxa trabalha em um projeto para a emissora de TV que mais cresce: a Internet.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

27.03.17

Se eu quiser falar com Deus…

A Igreja Universal do Reino de Deus (IURD) tem sido procurada por empresas que atuam no ainda incipiente segmento de MVNO, sigla em inglês para Operador Virtual de Telefonia Móvel. As investidas giram em torno da proposta de que a IURD crie sua própria operadora celular. Não seria uma iniciativa pioneira no ramo da fé. A Assembleia de Deus já oferece um serviço similar a seus fiéis desde 2015. A Sara Nossa Terra lançou há pouco mais de um mês o plano “Mais Parceiros de Deus”. No entanto, nada se compararia ao potencial de venda da Igreja Universal. Além dos sete mil templos em todo o Brasil, ela teria a sua disposição a vitrine da Rede Record. Isso para não falar do poder de persuasão do seu garoto-propaganda no 1: o próprio Edir Macedo.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

31.01.17

“Xuxa Xop”

Enquanto decide seu futuro na Record – o mais provável é que o seu programa seja cancelado –, Xuxa vai pensando em novos negócios. Um dos seus projetos é ter uma rede de pet shop.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

As igrejas evangélicas, mesmo as rivais da Universal, estão organizando um culto coletivo para abençoar o futuro prefeito do Rio, Marcelo Crivella. Fala-se até em transmissão ao vivo na Record.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.