Atenção!

As notícias abaixo são de edições passadas.

Para ter acesso ao nosso conteúdo exclusivo, assine o RR.

planos
23.08.18
ED. 5938

Pequeno e médio Afif

Guilherme Afif Domingos chegou a sonhar com a candidatura à Presidência pelo PSD. No fim, ficou apenas com a promessa de Gilberto Kassab de que permanecerá no comando do Sebrae Nacional caso Geraldo Alckmin vença a eleição.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

09.08.18
ED. 5928

PSD flerta com Eduardo Paes

A candidatura de Índio da Costa ao governo do Rio de Janeiro enfrenta resistências de sua própria tribo, o PSD. Gilberto Kassab não vai criar empecilhos aos partidários dispostos a embarcar na campanha de Eduardo Paes ao Palácio Guanabara.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

16.07.18
ED. 5910

Calendário eleitoral

Em conversa na última quinta-feira, o presidente do PSD, Gilberto Kassab, garantiu a Geraldo Alckmin o apoio do partido à candidatura presidencial do tucano. Deu até a data da formalização do matrimônio: 28 de julho, na convenção nacional do PSD. Ressabiado, Alckmin prefere ver para crer. Duas semanas em política é uma eternidade.

O PP promete ser mais rápido do que o PSD. O senador Ciro Nogueira garantiu ao xará Ciro Gomes que até a próxima sexta- feira, dia 20, o partido baterá o martelo quanto ao possível apoio ao pedetista.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

23.03.18
ED. 5832

Ratoeira

O apresentador Ratinho tem sido assediado pelo PP e pelo PSD, partido de seu filho, Ratinho Jr., para se candidatar ao Senado. Por ora, não diz nem que sim, nem que não.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

08.03.18
ED. 5821

Sem Meirelles, sem candidato

Há uma corrente no PSD, liderada pelos senadores Omar Aziz e Otto Alencar, defendendo que o partido não lance candidato à Presidência caso Henrique Meirelles pule para o barco do MDB, como tudo indica. A tese é que a sigla deve aproveitar parte expressiva dos recursos do fundo partidário para investir nas candidaturas proporcionais e inflar sua bancada no Congresso. O PSD soma 41 deputados e quatro senadores. Pelo menos até hoje, data de abertura da janela partidária.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

06.03.18
ED. 5819

Programa de Índio

No que depender do ministro Gilberto Kassab, o PSD não lançará candidato ao governo do Rio de Janeiro e apoiará o nome de outra sigla. Até porque, no partido, é consenso que a proximidade com o prefeito Marcelo Crivella praticamente matou a candidatura de Índio da Costa.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

26.12.17
ED. 5773

Pax brasiliense

Ficou tudo bem no Natal de Michel Temer e Henrique Meirelles depois da entrevista “espontânea” do ministro da Fazenda atribuindo a excessos editoriais o teor do programa do PSD exibido no último dia 21 de dezembro. Conforme antecipou o RR na edição de 18 de dezembro, o filmete foi uma rasgação de seda a Meirelles, dando a ele todo o mérito pela retomada da economia.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

18.12.17
ED. 5768

Temer deixa Meirelles livre e solto

O roteiro do programa eleitoral do PSD, que será exibido no próximo dia 21 e protagonizado pelo ministro Henrique Meirelles, causou trepidações no Palácio do Planalto. De acordo com informações que chegaram aos ministros palacianos, em uma de suas falas, Meirelles se apresenta como o grande responsável pelo ajuste econômico do governo Temer – ainda não se sabe se o trecho será usado na edição final. A princípio, a corte de intriguentos tentou convencer Temer de que a situação era mais séria e Meirelles merecia uma chamada às falas. O presidente, no entanto, não se deixou levar pelo ofidiário palaciano. Considerou que o episódio não passava de mais uma derrapada do ministro, empurrado pelo seu monumental ego. Mesmo porque não é hora de se indispor com o presidenciável Meirelles. O jogo das parcerias ainda está longe de ser resolvido.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

04.12.17
ED. 5758

Um bom vice?

Paulo Hartung tem um encontro com Gilberto Kassab programado para esta semana, em São Paulo. Na conversa, poderá selar sua transferência do PMDB para o PSD, de Kassab. E de Henrique Meirelles. Hartung, é bom lembrar, chegou a ser cotado para vice do ex-pré-candidato Luciano Huck.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

29.11.17
ED. 5755

Arrastão

Gilberto Kassab anda irritado com o assédio a deputados do PSD. As investidas mais agudas vêm do PMDB, que tem sido bastante agressivo na cooptação de parlamentares de outras siglas de olho no aumento da cota do fundo partidário em 2018.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

14.11.17
ED. 5745

A estrela

No que depender de Gilberto Kassab, Henrique Meirelles será a estrela do último programa eleitoral do PSD em 2017, que vai ao ar em 21 de dezembro.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

03.11.17
ED. 5738

Campanha na rua

A máquina do PSD já começou a campanha de Henrique Meirelles à Presidência da República. Gilberto Kassab articula, para as próximas semanas, a presença de Meirelles em eventos com empresários de Santa Catarina e do Rio Grande do Norte, ambos governados pelo partido.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

30.10.17
ED. 5735

Portas escancaradas

Gilberto Kassab escancarou as portas do PSD para o retorno da senadora Katia Abreu, alvo de um processo de expulsão do PMDB.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

18.09.17
ED. 5706

O “Pato da Fiesp” e o “Kibe”

O presidente da Fiesp, Paulo Skaf, costura o apoio do PSD a sua candidatura ao governo de São Paulo no ano que vem, a exemplo do que ocorreu em 2014. Desta vez, no entanto, a aliança teria um upgrade: a presença de Gilberto Kassab como candidato a vice. O dueto interessa, sobretudo, a Skaf, que, assim, neutralizaria um possível concorrente na disputa pelo Palácio dos Bandeirantes. De quebra, estima-se que a coalizão com o PSD acrescentaria um tempo extra de mais de um minuto e meio para Skaf brilhar na TV.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

14.09.17
ED. 5704

Meirelles é seu próprio marqueteiro

Henrique Meirelles e Gilberto Kassab deram uma aula ontem de como esquentar o noticiário. Por volta das 15h30, logo após o encontro entre Meirelles e parlamentares do PSD, Kassab anunciou à imprensa à pré-candidatura do ministro da Fazenda à Presidência da República. Chegou a dizer que o vice da chapa não sairia de São Paulo, mas “de outra região”. Em menos de meia hora, Meirelles postou em sua conta oficial no Twitter quatro mensagens em sequência negando a candidatura – ao mesmo tempo em que agradecia aos integrantes do PSD pelas palavras de apoio. O típico desmentido que só faz bem. O jogral garantiu a presença de Meirelles nos highlights do noticiário durante toda a tarde, sempre colado às palavras “candidato” e “presidência”. Em tempo: Meirelles e os líderes do DEM, à frente Rodrigo Maia e ACM Neto, articulam um encontro para a próxima semana. Promessa de mais dendê no caldeirão das especulações eleitorais.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

20.07.17
ED. 5665

Os cálculos de Kassab

Nos cálculos de Gilberto Kassab, o PSD termina a reforma ministerial com duas Pastas a mais na sua sala de troféus. Uma delas, a das Cidades.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

19.07.17
ED. 5664

Um nome ambivalente para a Pasta da Cultura

Atual diretor do Teatro Sergio Cardoso, em São Paulo, Luis Sobral foi sondado para assumir o Ministério da Cultura. A rigor, sua indicação deve ser creditada na conta do PSD, de Gilberto Kassab e de Andrea Matarazzo – Sobral foi adjunto do próprio Matarazzo na Secretaria de Cultura do Estado de São Paulo. No entanto, estrategicamente o ministeriável mantém também um pé no PSDB: em 2012, foi tesoureiro de campanha de José Serra na eleição à Prefeitura de São Paulo.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

29.05.17
ED. 5628

Brigas de condomínio

Mesmo no apocalipse, ou talvez por causa dele, Brasília não perde de vista seus interesses mais paroquiais. Dois exemplos dessas miudezas:

_________

Na semana passada, o Palácio do Planalto decidiu, às pressas, fatiar a Suframa entre o PSD, de Gilberto Kassab, e o PRB, partidos que têm votado com o governo no Congresso. Dias antes, já havia exonerado Rebecca Garcia da superintendência da Zona Franca de Manaus. A razão? Ela foi indicada para o cargo pelo senador Eduardo Braga, que faz parte da ala fugidia do PMDB.

________

O deputado Jovair Arantes, um dos líderes da bancarada ruralista, briga para manter Francisco Bezerra na presidência da Conab. O ministro Blairo Maggi quer arrastar o cargo para a sua cota.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

• Na cúpula do PSDB e da campanha de João Doria, já se dá como certo que José Serra fará a traição completa. Ou seja: além de costurar, nos bastidores, a chapa Marta Suplicy (PMDB) e Andrea Matarazzo (PSD), subirá no palanque da dupla.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

22.03.16
ED. 5332

Portas fechadas

A deserção de Andrea Matarazzo já é página virada. Agora, a preocupação do comando do PSDB em São Paulo é evitar que o ex-tucano arraste para o PSD vereadores e deputados estaduais.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

22.07.15
ED. 5168

Coalizão

Está todo mundo querendo tirar uma casquinha do definhamento do PT. O ministro das Cidades, Gilberto Kassab, articula sua candidatura ao governo de São Paulo, encabeçando uma aliança entre o seu PSD e o PT, com as bênçãos do próprio Lula.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.