fbpx

Atenção!

As notícias abaixo são de edições passadas.

Para ter acesso ao nosso conteúdo exclusivo, assine o RR.

planos
04.07.22

Os bons ventos da Eletrobras

A “nova” Eletrobras ensaia seu primeiro grande movimento no mercado após a privatização. A empresa está em conversações com o EIG Global Energy Partners para investimentos conjuntos em energia renovável. As tratativas envolvem, notadamente, a instalação de usinas eólicas no Porto do Açu. O fundo norte-americano é controlador da Prumo Logística, por sua vez dona do complexo portuário no Norte Fluminense. Os empreendimentos deverão ser tocados por meio de uma Sociedade de Propósito Específico (SPE). Ou seja: a “Eletrobras privada” vai beber na fonte de um modelo bastante utilizado pela “Eletrobras estatal”. Hoje, cerca de 55% da capacidade instalada de energia eólica da companhia estão pendurados em SPEs com outros grupos.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

16.03.18

Prumo com todo gás

A Prumo Logística bateu o martelo: vai construir duas térmicas a gás no Porto do Açu. Serão cerca de R$ 7 bilhões em investimentos ao longo dos próximos cinco anos, segundo a própria empresa confirmou ao RR.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

16.08.17

Colar de ativos

A Dubai World Ports tem interesse em se associar ao Porto do Açu, o megahub idealizado por Eike Batista e hoje nas mãos da Prumo Logística, leia-se a norte-americana EIG. A companhia do Oriente Médio está montando um cinturão de ativos portuários no país: é sócia da Odebrecht na Embraport e já teria apresentado uma oferta pela participação do fundo Advent no Terminal de Contêineres de Paranaguá.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

02.05.16

Fora do Açu

 O fundo Mubadala, que raspou o tacho da antiga EBX, está com um pé fora da Prumo Logística, dona do Porto do Açu. Os árabes negociam a transferência de suas ações para a norte-americana EIG, controladora da companhia. Procurada pelo RR, a Prumo Logística não comentou o assunto.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

17.09.15

Anglo American

A Anglo American estaria em busca de um comprador para sua participação de 50% na Ferroport, joint venture com a Prumo Logística, antiga LLX. A empresa é dona de um terminal de minério no Porto de Açu. Formalmente, a Anglo American nega a operação.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.