fbpx

Atenção!

As notícias abaixo são de edições passadas.

Para ter acesso ao nosso conteúdo exclusivo, assine o RR.

planos
02.03.21

PGR vs. Judiciário

A PGR deverá mover uma ação direta de inconstitucionalidade contra a decisão da Assembleia Legislativa do Acre que livrou magistrados locais de devolverem gratificações indevidamente anexadas ao salário. A representação, encaminhada por procuradores do MPF, já está nas mãos de Augusto Aras.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

03.02.21

Pazuello no cree en brujas, pero…

Teoria da conspiração ou não, uma tese começa a ganhar corpo entre auxiliares mais próximos do ministro Eduardo Pazuello. Ao pedir ao STF a abertura de inquérito contra Pazuello para investigar a crise na saúde pública de Manaus, o PGR Augusto Aras teria entrado em campo com a missão de fritar o ministro e blindar o presidente Jair Bolsonaro.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

03.02.21

Grosso calibre

Segundo uma fonte do MPF, o PGR Augusto Aras vai emitir até o Carnaval parecer favorável à manutenção do afastamento de Wilson Witzel do cargo de governador do Rio. É mais um tiro na “cabecinha” (Apud Witzel) do governador afastado.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

26.01.21

Ação e reação no Ministério Público

O RR apurou que o Conselho Superior do Ministério Público vai se reunir no próximo dia 2 de fevereiro. Ainda que por vídeo-conferência, será o primeiro encontro entre Augusto Aras e os seis subprocuradores integrantes do CSMPF que publicaram nota dizendo que é sua atribuição investigar presidentes da República.

O clima até lá promete esquentar ainda mais. Segundo fonte próxima a Aras, o PGR cogita apresentar queixa no Conselho Nacional do Ministério Público contra os seis subprocuradores da República. Consultada, a Procuradoria informou que o “PGR não adianta posicionamentos ou eventuais medidas que possam ser tomadas no exercício de suas atribuições”.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

25.01.21

Missão cumprida?

Entre os procuradores da recém-extinta Operação Greenfield, a aposta é que Celso Três, chefe da força tarefa, não encaminhará mais nenhuma denúncia à Justiça. Apesar do grupo de trabalho ter sido desfeito, Três ainda tem a prerrogativa de indicar investigados pelo MPF. Mas talvez não tenha sido para isso que o PGR Augusto Aras o escolheu para comandar a Operação em sua reta final.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

19.01.21

Primeira dose

O governador da Bahia, Rui Costa, consultou o PGR Augusto Aras sobre a hipótese de comprar vacinas diretamente no exterior e entrar na Justiça para cobrar o ressarcimento do Ministério da Saúde. O chefe do MPF não disse nem que sim, nem que não.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

06.01.21

Operação tartaruga

Augusto Aras colocou uma camisa de força na Operação Greenfield. Desde que o PGR nomeou o procurador Carlos Três para comandar a força tarefa, em novembro, praticamente nenhuma investigação avançou.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

21.12.20

O craque dos jogos perdidos

Os próprios aliados de Augusto Aras no Ministério Público já não escondem o incômodo com a insistência do PGR em se desgastar com brigas perdidas. É o caso do affair Abin/Flavio Bolsonaro. Nos últimos dias, segundo o RR apurou, Aras vinha trabalhando nos bastidores para evitar a abertura de investigação no Ministério Público. Na sexta-feira, veio a decisão da ministra Carmen Lucia obrigando a PGR a apurar as denúncias.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

16.11.20

Dinheiro vivo

A Procuradoria-Geral da República rechaçou a proposta apresentada pelo ex-governador do Mato Grosso Silval Barbosa para o pagamento de uma multa de R$ 23,4 milhões. Barbosa quer transferir imóveis de sua propriedade à União para abater do valor. No entanto, segundo o RR apurou, a PGR já informou ao STF que não abre mão do pagamento cash. Barbosa está inadimplente com a Justiça: condenado por fraudes e desvio de recursos públicos, já atrasou a quitação de cinco parcelas da sua pena.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

12.11.20

Prêmio ou castigo?

O RR apurou que três procuradores da República já foram sondados e teriam se recusado a assumir o comando da Operação Greenfield, que investiga irregularidades em fundos de pensão. Ninguém quer se sujeitar às interferências do PGR Augusto Aras nas forças-tarefas do Ministério Público.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.